Comentários de Claire Scorzi | Digestivo Cultural

busca | avançada
86234 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> ZapMusic, primeiro streaming de músicos brasileiros, abre inscrições para violonistas
>>> Espetáculo de dança em homenagem à Villa-Lobos estreia nesta sexta
>>> Filó Machado comemora 70 anos de vida e 60 de carreira em show inédito com sexteto
>>> Série 8X HILDA tem sessões com leitura das peças As Aves da Noite e O Novo Sistema
>>> Festival Digital Curta Campos do Jordão chega a todo o território nacional com 564 filmes inscritos
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Tiro ao alvo
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nasce um imortal: José Saramago
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Coração generoso
>>> Música Discreta
>>> Cada dia mais jovem - um retrato de minha mãe
>>> Sobre Sherlock Holmes
>>> 7 de Setembro
>>> Onde moram as crônicas
>>> Onde moram as crônicas
>>> Vida de Escritor no Catarse
Mais Recentes
>>> A marca de uma lágrima de Pedro Bandeira pela Moderna (2010)
>>> Sonho de minhoca de Ivan Jaf pela Atual (2005)
>>> Os lusíadas em quadrinhos - série clássicos em hq de Fido Nesti pela Peirópolis (2012)
>>> Sociologie des publics de Jean-Pierre Esquenazi pela La Découverte (2003)
>>> Duas viagens ao Brasil de Hans Staden pela LPM Pocket (2008)
>>> Férias no hotel sepulcro de Thomas Brezina pela Melhoramentos (2006)
>>> Lia e o sétimo ano de Lino De Albergaria pela Saraiva (2009)
>>> Nem tudo está perdido de Sílvia Zatz pela Companhia das Letrinhas (2002)
>>> Critique de la modernité de Alain Touraine pela Fayard (1998)
>>> Miguel e o sexto ano de Lino De Albergaria pela Saraiva (2009)
>>> Historia de La Filosofia IV - Siglo XIX: Kant, Idealismo y Espiritualismo de Teofilo Urdanoz, O.P. pela La Editorial Catolica (1975)
>>> La chute de Albert Camus pela Gallimard (2005)
>>> Sociologie des pratiques culturelles de Philippe Coulangeon pela La Découverte (2005)
>>> Analyses du changement social de Michel Forsé pela Éditions du Seuil (1998)
>>> Consumidores e Cidadãos de Nestor Garcia Canclini pela Ufrj (2010)
>>> Consumidores e Cidadãos de Nestor Garcia Canclini pela Ufrj (2010)
>>> The Faces of Justice and State Authority: A Comparative Approach to the Legal Process de Mirjan R. Damaska pela Yale University Press; (1991)
>>> O Retorno da Comunidade: Os Novos Caminhos do Social de Raquel Paiva pela Mauad (2007)
>>> Recherches sur la nature et les fonctions du langage de Brice Parain pela Gallimard (1972)
>>> Comunidade E Contra-hegemonia: Rotas De Comunicação Alternativa de Raquel Paiva , Cristiano Henrique R. dos Santos pela Mauad (2008)
>>> O colapso da modernização de Robert Kurz pela Paz & Terra (2008)
>>> Référence Émile Benveniste de Gérard Dessons pela Bertrand-Lacoste (1993)
>>> Ciudadania y clase socia de Thomas Marshall pela Losada (2005)
>>> Comunidade Da Diferença de Miroslav Milovic pela Relume Dumará (2004)
>>> Histoire et mémoire de Jacques Le Goff pela Gallimard (1988)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Sexta-feira, 19/9/2008
Comentários
Claire Scorzi


Uma lástima
Texto interessante que só perde pela brevidade. Deveria trazer mais detalhes (ou foram dados em outro lugar e eu não vi; é possível). A conclusão: há reconhecimento do poder de penetração dos blogs; não da sua qualidade como veículo, ou da sua posição peculiar (independência - e a dita independência pode ser a maior responsável pela qualidade de que eu falei).

[Sobre "E os blogs viraram mainstream..."]

por Claire Scorzi
19/9/2008 às
08h12 189.106.52.170
 
A dita literatura para jovens
Seu texto mereceria um comentário extenso e detalhado, mas devido à pressa vou tocar num ponto só: você mencionou Renato Russo. Trabalhei oficinas de leitura (atuo em biblioteca escolar) e uma das mais prazerosas - para mim e para meus leitores entre 11/13 anos - foi aquela em que levei fitas aúdio do Legião Urbana, dando a eles cópias das letras que iam acompanhando enquanto ouvíamos as canções... Depois, discutíamos cada letra justo por terem uma 'realidade', uma 'proximidade' inegável para eles - isso sem cair no óbvio e na ausência de poesia, tão visíveis em boa parte da dita 'literatura para jovens'. A leitura obrigatória nas escolas pode ser defendida e acusada, justo pelas razões que você aponta aqui. É necessária - mas o COMO fazer é importante, é central.

[Sobre "Literatura é coisa para jovem?"]

por Claire Scorzi
11/9/2008 às
08h52 189.106.19.103
 
A bibliotecária e os jovens
Sou bibliotecária numa biblioteca escolar e bem que tento entusiasmar os adolescentes que me dão oportunidade disso. Ainda julgo boa parte da literatura dita "para jovens" mal escrita e quase sempre um tanto "catequética" (tipo, romances sobre jovens drogados que se dão mal, por exemplo; não é que eu ache que devam se dar bem, nem acredito nisso, mas precisavam ser obras tão dirigidas, tão no estilo lição-de-moral?), porém existem as exceções. Palmas para elas. E existem aqueles jovens, como eu fui um dia, que experimentam de tudo, tateiam aqui e ali na literatura dita "de adultos", até encontrarem o que lhes agrada. Minha alegria é por eles, e com eles.

[Sobre "A juventude nas livrarias"]

por Claire Scorzi
29/8/2008 às
19h26 189.12.237.25
 
Conspiração da mediocridade
Parabéns. Vou indicar este texto. Quanto aos comentários, a maioria acima já apontou boa parte do que eu diria. Como crente convicta na "conspiração da mediocridade", só acrescentaria que essa confusão entre poder aquisitivo e classe "média" é deveras cômoda. Não é perigoso se você ganha um pouco mais, ao contrário, serve para calar a boca; perigoso é desenvolver capacidade de reflexão - coisa que o acesso à cultura (cultura mesmo, não a dança do créu, ou BBB) pode proporcionar...

[Sobre "Nossa classe média é culturalmente pobre"]

por Claire
22/8/2008 às
07h41 189.12.227.172
 
gostaria de te conhecer
Huumm. Decididamente, você é uma pessoa que eu gostaria de conhecer. Apresentou sua causa (visto que é polêmica, tem de ser "causa") com serenidade e solidez de argumentos. Li as duas autoras - e muitas do gênero. Minhas críticas, portanto, seriam fundamentadas. Leio e releio escritores clássicos. E também reconheço o esnobismo hipócrita de criticar sem ter lido - embora eu admita que uma boa folheada pode ser educativa. Escritores que afirmo detestar são fruto da minha experiência de leitura deles (incluindo um brasileiro famoso, e péssimo! Eu li!). Minha maior crítica a essa ficção está em algumas derrapagens de estilo (quando o açúcar fica excessivo) para o leitor que é também escritor. Será que isso não o afetaria? Apenas isso. Porque como leitora há dias e horas em que quero descansar, e Deborah Simmons (e Penny Jordan, nos seus melhores momentos) servem muito bem.

[Sobre "As duas divas da moderna literatura romântica"]

por Claire
18/8/2008 às
08h10 189.24.235.118
 
Sherlock Holmes: paixão antiga
Tinha de ser de alguém como o Flávio Moreira da Costa! Delícia das delícias ler (e decerto reler) esse artigo. Há muito tempo não entro aqui. Uma ótima surpresa. E Sherlock Holmes merece, e como! É uma paixão antiga que sobreviveu à minha adolescência (quando as paixões são fulminantes, mas dificilmente duradouras) e permanece acesa hoje. Leio e releio Sherlock Holmes, criatura que engoliu seu criador, Doyle... Fazer o quê, né? Mas que é esplêndido ter sido capaz de criar alguém assim, é.

[Sobre "Sobre Sherlock Holmes"]

por Claire
12/4/2008 às
10h54 201.8.20.115
 
Maus tempos?
Maus tempos esses, em que se começa um texto quase pedindo desculpas porque se vai falar de um clássico... Mas, enfim: a visão "politicamente correta" de Hester Prynne é só isso - a imposição do século XXI a uma obra do passado. Penso que a força da personagem é de outro tipo - uma persistência silenciosa, por vezes mais heróica do que a gritaria de hoje.

[Sobre "Dando a Hawthorne seu real valor"]

por Claire
6/10/2007 às
05h16 189.13.7.214
 
blog:alegrias e aborrecimentos
Eu tenho muito mais alegrias relacionadas ao fato de ter montado um blog do que aborrecimentos; estes vêm de outros fatores que atrapalham a manter o blog - um micro caprichoso, por exemplo! - mas assinaria embaixo de boa parte do que você disse. Ótimo!

[Sobre "Por que eu montei um blog"]

por Claire
http://claireinsone.zip.net/
3/11/2006 às
06h40 201.51.77.191
 
Vou voltar para reler
Parabéns! Mais um daqueles textos que dizem por nós o que queremos dizer. Vou voltar para reler, certamente.

[Sobre "Sim, é possível ser feliz sozinho"]

por Claire
http://claireinsoen.zip.net/
19/9/2006 às
06h07 201.51.76.138
 
mau humor e romantismo
Olha só, mau humor e romantismo podem coexistir na mesma pessoa. Ainda ficando surpresa (por quê?) mas ficando.

[Sobre "Receita para se esquecer um grande amor"]

por Claire
http://claireinsone.zip.net/
3/8/2006 às
06h02 200.165.37.178
 
De nós, para nós, por nós
Finalmente, alguém por nós.

[Sobre "Spamzines, blogs e literatura"]

por Claire
http://claireinsone.zip.net/
22/5/2006 às
21h15 201.51.27.235
 
só eu que acho isso?
Enfim, a gente descobre que não precisa dizer "Será que sou só eu que acho isso?" - ou obtém a resposta: não. Muito bom.

[Sobre "O elogio da ignorância"]

por Claire
http://claireinsone.zip.net/
1/5/2006 às
06h43 201.51.19.154
 
Amor: somando e subtraindo
Surpresa ao ler isto da primeira vez - mas as pessoas vivem nos surpreendendo. O que eu diria do amor romântico: só vale a pena se formos somar, ou multiplicar. De subtrair e dividir estamos todos fartos. E é preciso amar primeiro a própria companhia para que o amor não seja apenas uma fuga de si mesmo.

[Sobre "Dos amores possíveis"]

por Claire
http://claireinsone.zip.net/
20/3/2006 às
11h49 200.219.181.65
 
O Orkut do UOL
Bem, não sou exceção; embora leia mais de (quanto?) 1,8 livros por ano. Estou no Orkut, mas não uso. Uso um similar da UOL, e noto as mesmas virtudes e falhas apontadas no primo rico, além de perfis q nada dizem sobre as pessoas (como é q pode?) e uma gana por "adicionar" compulsiva. Comunidades tolas. E gente com não sei quantas e das quais seria humanamente impossível participar ativamente (por que adicionar então?). Tem seu desagradável lado "bbb" (argh!), mas, como quase tudo nesse mundo e na internet, tem coisas boas...

[Sobre "Orkut way of life"]

por Claire
13/2/2006 às
05h45 201.51.24.137
 
Tempo perdido
"Todos os dias quando acordo/ Não tenho mais o tempo que passou..." Pensei nessa letra do Legião. Tive crise aos 25 (e uma amiga minha tb.). Depois superei. O tempo passa e vc descobre q fez alguma coisa; o q não podemos é admitir o critério do mundo para avaliarmos nossas realizações pessoais.

[Sobre "A crise dos 28"]

por Claire
30/1/2006 às
22h08 201.51.62.181
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Nietzsche, Freud & Marx
Michel Foucault
Princípio
(1997)
R$ 39,00



Livro Didático 2º Ano Ensino Médio Edebe
Vários Autores
Edebé
(2014)
R$ 49,30



Communicare -revista de Pesquisa Vol. 4 - 2004 - 10798
Laan Mendes de Barros
Casper Libero
(2004)
R$ 10,00



Semiótica e Crítica Literária 52
Eduardo Portela (org.)
Tempo Brasileiro
(1978)
R$ 26,75



Napoleón
Abel Gance
Faber And Faber
(1990)
R$ 20,00



Os Sonhos - Reflexos de um Mundo Interior e Exterior
Phyllis Pipitone
Ordem Rosacruz
(1990)
R$ 8,00



A flor do Taiti
Celestine Hitiura Vaite
Rocco
(2011)
R$ 19,99



À La Conquête de Mars
Olivier de Goursac (capa Dura)
Larousse (paris)
(2000)
R$ 55,28



A Cura pelo Yoga - 1ª Edição
Tara Stiles
Pensamento
(2014)
R$ 45,00



Sociedade Limitada - Comentarios
Patrocinio
Juarez De Oliveira
(2008)
R$ 27,34





busca | avançada
86234 visitas/dia
2,1 milhões/mês