Comentários de Janethe Fontes | Digestivo Cultural

busca | avançada
76196 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conheça Incêndio no Museu. Nova obra infantil da autora Isa Colli fala sobre união e resgate cultura
>>> Arte do Granja
>>> Prorrogadas as inscrições para 20ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis
>>> Projeto Trovadores Urbanos 30 anos, live cinco, “Serenata para Silvio Caldas”, segunda dia 19 de abr
>>> Livro recupera a história de Alfred Dreyfus, oficial judeu injustamente condenado há um século, em m
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
>>> O zunido
>>> Exposição curiosa aborda sobrevivência na Amazônia
Blogueiros
Mais Recentes
>>> The Newspaper of the Future
>>> Se eu fosse você 2
>>> Lady Gaga, uma aula do pastiche
>>> Comunicado importante: TV mata!
>>> A bolha da blogosfera
>>> O fim da revista Bravo!
>>> Entrevista: Celso Kallarrari
>>> Como elas publicavam?
>>> E o iPad não salvou os jornais e as revistas...
>>> Colocando o preto no branco das câmeras digitais
Mais Recentes
>>> Uns papéis que voam de Flavio José Cardozo pela Ftd (2003)
>>> DC Especial vol1 - Arqueiro Verde de Brad Meltzer, Ande Parks, Phil Hester pela Panini Comics (2004)
>>> DC Especial vol.2 - Gavião Negro de Geoff Johns, James Robinson e Rags Morales pela Panini Comics (2002)
>>> Os Cães de Riga de Henning Mankel pela Companhia das Letras (2003)
>>> X-Men - Edição Histórica vol.3 de John Byrne, Chris Claremont, Terry Austin pela Mythos (2003)
>>> A bruxa da floresta de Maria goretti fernandes pela Bagaço (2009)
>>> DC Especial vol.6 - Arqueiro Verde: Segredos e Mentiras de Judd Winick, Phil Hester & Ande Parks pela Panini Comics (2005)
>>> Los Angeles Nua & Crua de Dell Shannon pela Nova Cultural (1986)
>>> A droga do amor de Pedro Bandeira pela Moderna (2009)
>>> Poesia concreta e visual de Philadelpho Menezes pela Atica (1998)
>>> Kenshin Kaden de Nobuhiro Watsuki pela JBC Mangás (2003)
>>> A Narrativa Ontem e Hoje de Organização de Lígia Vassallo pela Tempo Brasileiro (1984)
>>> Design and Form: The Basic Course at the Bauhaus and Later de Johannes Itten pela Van Nostrand Reinhold Company (1975)
>>> Umbanda: Crença, Saber e Prática de Míriam de Oxalá (Míriam Prestes) pela Pallas (2007)
>>> The Art of Color: The Subjective Experience and Objective Rationale of Color de Johannes Itten pela Van Nostrand Reinhold Company
>>> O Pecado Secreto - Curando as Feridas do Vício Sexual de Mark R. Laaser pela Luz e Vida (1996)
>>> Español Para Brasileños de Jair de Oliveira Souza pela FTd (1997)
>>> Cidade dos Deitados de Heloisa Prieto pela Sesc sp
>>> Vida e Obra de Ana inês pela Expressão Popular
>>> Mensajes de Misericordia - Livro em Espanhol de Varios autores pela Espanhol
>>> Filosofia, linguagem, arte e educação de Jean Lauand pela Coleção Humanidades
>>> Um trabalho da notícia de Perseu Abramo pela Fundação (1997)
>>> 1889: Como um imperador cansado, um marechal vaidoso e um professor injustiçado contribuíram para o fim da Monarquia e a Proclamação da República no Brasil de Laurentino Gomes pela Globo (2014)
>>> The Color Purple de Alice Walker pela Open University (2003)
>>> Pré-vestibular Conteúdos E Atividades De Revisão 2 de Diversos pela Casa Publicadora Brasileira (2015)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Sexta-feira, 20/1/2012
Comentários
Janethe Fontes


Ótimo artigo!!! E me atrevo...
Ótimo artigo!!! E me atrevo a responder a uma de suas perguntas: "Será que editoras, livrarias e formadores de opinião estão se engajando suficientemente nesse esforço?" Tenho certeza que não. E creio que ainda levará algum tempo para que isso aconteça. Infelizmente.

[Sobre "Considerações sobre a leitura"]

por Janethe Fontes
http://@janethefontes
20/1/2012 às
18h19 189.20.47.146
 
Puts, hilário!!! Acho que t...
Puts, hilário!!! Acho que todo escritor passa por esse tipo de situação. Mas pior que isso é quando um amigo ou amiga te pede para "mostrar" o livro, e, quando você mostra, a pessoa faz aquela cara de paisagem e pergunta: "Posso levar para ler?? Depois eu devolvo". E nunca mais devolve". É duro!!!

[Sobre "O amigo do escritor"]

por Janethe Fontes
20/1/2012 às
12h53 189.20.47.130
 
Preferi esperar para publicar
Noah, eu concordo com seu ponto de vista. Acho que, de fato, muitas gráficas ludibriam, sim, os aspirantes a "best-seller" com o sonho de ter seu livro publicado, pois raríssimas têm um trabalho sério de editoração, distribuição e divulgação. Acredito também que muitos autores, como eu, recebam "chamadas" frequentes desses tipos de editoras para integrar nestes novos "projetos/selos", mas cabe a cada autor analisar com muitíssima cautela essas "chamadas"/propostas. Afinal, quais as chances de um autor desconhecido conseguir repassar seus livros para as livrarias? Bem, respondendo à minha própria pergunta, imagino que nenhuma, ou quase nenhuma. Por isso, eu preferi aguardar quase 7 anos para conseguir publicar meu primeiro livro ("Vítimas do Silêncio"), mas não me arrependi, não, pois, apesar de a editora que me contratou ainda pecar bastante na questão do marketing, o livro pode ser encontrado em várias livrarias em todo o país.

[Sobre "Querem acabar com as livrarias"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
26/1/2011 às
14h13 200.100.220.200
 
Debate sobre o cristianismo
Creio que é muito válido o debate. E cada um que tire suas conclusões. Uma ótima sugestão de leitura. Abraços.

[Sobre "Para que o Cristianismo?"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
25/5/2010 às
18h09 189.20.47.146
 
Isso está errado mesmo
Concordo inteiramente com o que disse o Mauro. Como uma pessoa que ganha 1.200/1.500 reais por mês, trabalha o dia inteiro e não tem tempo para o lazer pode ser classe média? Isso é ridículo! Um grande abraço e parabéns pelo texto!

[Sobre "Nossa classe média é culturalmente pobre"]

por Janethe Fontes
27/8/2008 às
22h15 189.78.212.153
 
arte: um cachorro morrendo?
Podem me chamar de alienada, ignorante, mas, sinceramente, acho que mais ignorante é quem chama de artista um "maluco" que tem a infeliz idéia de expor um cachorro morrendo de fome em uma galeria de arte. Já ouvi falar e também já vi muita coisa absurda, mas essa foi a pior de todas...

[Sobre "A arte contemporânea refém da insensatez"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
9/6/2008 às
20h04 189.78.219.12
 
Banho de água gelada
LEM, sinceramente, o que dá pra perceber é que essas tais "regras" só preocupam o mercado editorial, ou seja, a maioria das editoras, quando se trata de autores iniciantes, pois quando se trata de alguém famoso ou “indicado”, publica-se qualquer tranqueira. Por isso também concordo que há uma necessidade do autor usar de autocrítica antes de se aventurar pela literatura, pois isso é óbvio; entretanto, quando se trata de autor iniciante/desconhecido, as editoras dão um jeito de jogar um banho de água gelada em qualquer esperança de publicação, mesmo que a obra seja de boa ou de ótima qualidade. Abs

[Sobre "Armadilhas da criação literária"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
5/12/2007 às
14h18 189.78.198.42
 
No Dia do Livro
Concordo plenamente. Um texto perfeito para ser lido no dia do Livro. Abs.

[Sobre "S.O.S. literatura no Brasil"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net
19/3/2007 às
10h52 200.168.131.24
 
Corrigindo...
Corrigindo... 6 livros por mês! Puxa, Rafael, me senti até envergonhada agora. Leio no máximo 1 (um) livro por mês. De novo: você fez leitura dinâmica? (rs). Abraços.

[Sobre "Minha primeira vez - parte I"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
28/12/2006 às
19h59 200.207.196.192
 
Você fez leitura dinâmica?
50 livros por mês! Puxa, Rafael, me senti até envergonhada agora. Leio no máximo 1 (um) livro por mês. Você fez leitura dinâmica? (rs). Abraços .

[Sobre "Minha primeira vez - parte I"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net
28/12/2006 às
13h45 200.162.47.50
 
transforma impressionantemente
A internet é de fato uma onda impressionantemente transformadora. Mas é impressionante também como alguns a usam mal. A quantidade de mensagens sem nenhum conteúdo que chegam diariamente à minha caixa de e-mail não deixam quaisquer dúvidas disso.

[Sobre "Confissões de um crítico em tempos de internet"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
28/11/2006 às
10h28 200.168.103.115
 
Uma vez mais
Ótimo texto. Parabéns mais uma vez.

[Sobre "Uma nota sobre a leveza do ser"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
13/11/2006 às
07h40 192.168.133.51
 
Não gosto, mas sou a favor
LEM, eu sou uma dessas pessoas que vão às urnas com o semblante contrafeito, mas concordo plenamente que no Brasil, o voto deve continuar sendo obrigatório. Inclusive argumentei exatamente isso à minha família no último final de semana.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
24/10/2006 às
11h16 201.26.66.241
 
a indiferença à política
Em minha opinião, a indiferença (à política) é o maior problema do Brasil.

[Sobre "Democracia envelhecida"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
23/10/2006 às
12h30 201.26.66.241
 
Resposta a Daniela Castilho
Daniela, não é isso o que diz o capitulo VI, art. 224 da Lei nº 4737, de 15 de julho de 1965 que institui o Código Eleitoral. Vide abaixo: Capítulo VI: Das nulidades da votação: Art. 224. Se a nulidade atingir mais de metade dos votos do país nas eleições presidenciais, do Estado nas eleições federais e estaduais ou do município nas eleições municipais, julgar-se-ão prejudicadas as demais votações, e o Tribunal marcará dia para nova eleição dentro do prazo de vinte a quarenta dias. § 1º Se o Tribunal Regional, na área de sua competência, deixar de cumprir o disposto neste artigo, o Procurador Regional levará o fato ao conhecimento do Procurador-Geral, que providenciará junto ao Tribunal Superior para que seja marcada imediatamente nova eleição. § 2º Ocorrendo qualquer dos casos previstos neste capítulo, o Ministério Público promoverá, imediatamente, a punição dos culpados.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Janethe Fontes
http://palavreando.zip.net/
18/10/2006 às
12h03 192.168.133.47
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Livro de Colorir de Star Wars
Universo Geek - Disney - Lucasfilm
Universo dos Livros
(2016)



Ladainha de Nossa Senhora de Santo Amaro ( 2 Em 10)
Mabel Velloso
Leya
(2016)



Monografia de Mafra
Armando de Lucena
Comissão de Turismo
(1986)



O Balordo
Piero Chiara
Melhoramentos
(1982)



Coleção Folha - Música Clássica para Crianças - Berlioz
Folha de S. Paulo
Folha de S. Paulo



Mãe Beata de Yemonja - Guia, Cidadã, Guerreira
Haroldo Costa
Garamond
(2010)



Brasil Showcase de Competência Em E-business
Richard Lowenthal ( Org. )
M. Books
(2005)



Buda. Retorno Ao Reino De Magadha - Volume XI
Osamu Tezuka
Conrad
(2006)



Lysistrata: Bilingue
Aristophane
Las Belles Letres (paris)
(1996)



Guia Completo Pokemon Go
Daniel Salengue - Luiz Duarte
Única
(2016)





busca | avançada
76196 visitas/dia
2,6 milhões/mês