Comentários de Manoel Amaral | Digestivo Cultural

busca | avançada
75949 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conheça Incêndio no Museu. Nova obra infantil da autora Isa Colli fala sobre união e resgate cultura
>>> Arte do Granja
>>> Prorrogadas as inscrições para 20ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis
>>> Projeto Trovadores Urbanos 30 anos, live cinco, “Serenata para Silvio Caldas”, segunda dia 19 de abr
>>> Livro recupera a história de Alfred Dreyfus, oficial judeu injustamente condenado há um século, em m
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
>>> O zunido
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Deep Purple Made in Japan
>>> The Newspaper of the Future
>>> Se eu fosse você 2
>>> Lady Gaga, uma aula do pastiche
>>> Comunicado importante: TV mata!
>>> A bolha da blogosfera
>>> O fim da revista Bravo!
>>> Entrevista: Celso Kallarrari
>>> Como elas publicavam?
>>> E o iPad não salvou os jornais e as revistas...
Mais Recentes
>>> Introdução à Economia Edição Compacta de N. Gregory Mankiw pela Pioneira Thomson Learning (2005)
>>> Rio de Assis - Imagens Machadianas do Rio de Janeiro de Aline Carrer John Gledson Pedro da Cunha e Menezes pela Casa da Palavra (1999)
>>> Introdução á Hospitalidade 2ºedição de John R. Walker pela Manole (2002)
>>> Uns papéis que voam de Flavio José Cardozo pela Ftd (2003)
>>> DC Especial vol1 - Arqueiro Verde de Brad Meltzer, Ande Parks, Phil Hester pela Panini Comics (2004)
>>> DC Especial vol.2 - Gavião Negro de Geoff Johns, James Robinson e Rags Morales pela Panini Comics (2002)
>>> Os Cães de Riga de Henning Mankel pela Companhia das Letras (2003)
>>> X-Men - Edição Histórica vol.3 de John Byrne, Chris Claremont, Terry Austin pela Mythos (2003)
>>> A bruxa da floresta de Maria goretti fernandes pela Bagaço (2009)
>>> DC Especial vol.6 - Arqueiro Verde: Segredos e Mentiras de Judd Winick, Phil Hester & Ande Parks pela Panini Comics (2005)
>>> Los Angeles Nua & Crua de Dell Shannon pela Nova Cultural (1986)
>>> A droga do amor de Pedro Bandeira pela Moderna (2009)
>>> Poesia concreta e visual de Philadelpho Menezes pela Atica (1998)
>>> Kenshin Kaden de Nobuhiro Watsuki pela JBC Mangás (2003)
>>> A Narrativa Ontem e Hoje de Organização de Lígia Vassallo pela Tempo Brasileiro (1984)
>>> Design and Form: The Basic Course at the Bauhaus and Later de Johannes Itten pela Van Nostrand Reinhold Company (1975)
>>> Umbanda: Crença, Saber e Prática de Míriam de Oxalá (Míriam Prestes) pela Pallas (2007)
>>> The Art of Color: The Subjective Experience and Objective Rationale of Color de Johannes Itten pela Van Nostrand Reinhold Company
>>> O Pecado Secreto - Curando as Feridas do Vício Sexual de Mark R. Laaser pela Luz e Vida (1996)
>>> Español Para Brasileños de Jair de Oliveira Souza pela FTd (1997)
>>> Cidade dos Deitados de Heloisa Prieto pela Sesc sp
>>> Vida e Obra de Ana inês pela Expressão Popular
>>> Mensajes de Misericordia - Livro em Espanhol de Varios autores pela Espanhol
>>> Filosofia, linguagem, arte e educação de Jean Lauand pela Coleção Humanidades
>>> Um trabalho da notícia de Perseu Abramo pela Fundação (1997)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Quinta-feira, 12/7/2012
Comentários
Manoel Amaral


Fiz uma sátira deste texto,...
Fiz uma sátira deste texto, ver no link: http://textolivre.com.br/livre/39668-ipad-cumpadi-satira-de-uma-satira

[Sobre "iPad"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
12/7/2012 às
20h54 189.12.82.173
 
Millôr era o Milhor!
Millôr era o Milhor!

[Sobre "Millôr no Digestivo"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
31/3/2012 às
07h58 189.12.34.103
 
Adoro o Ctrl + Z
Ana, acho interessante que comigo é exatamente o contrário. Adoro as teclas Ctrl + Z onde posso "refazer" o meu texto apagado da tela.

[Sobre "Pressione desfazer para viver"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
28/6/2011 às
08h03 189.107.99.107
 
Nem um milhãozinho?
Pois é, pois é, pois é! Para nós, que batalhamos há mais de quatro anos com blog de cultura (escrevemos contos), não sobrou nem um milhãozinho? Foi mesmo uma piada de muito "mau gosto".

[Sobre "O escandaloso blog de poesia de Maria Bethânia"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
29/4/2011 às
21h34 189.107.124.70
 
Magistral a sua crônica
Amiga Ana, magistral a sua crônica. Acho que sou meio cronista, ainda aprendiz. Esqueceu de dizer que o cronista pode ser sarcástico, satírico ou simplesmente um bom contista fora do contexto. Adoro seus artigos.

[Sobre "Caçar em campo alheio ou como escrever crônicas"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
14/6/2010 às
08h38 189.107.79.106
 
A era pós-Lula
Estou com medo da era pós-Lula, quando a maioria descobrir que não era bem isso e nem aquilo e os buracos começarem a aparecer.

[Sobre "Gullar sobre Lula e Dilma"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
11/6/2010 às
08h24 189.107.30.92
 
Sempre roubando ideias
Já prestaram atenção? Estes grandes negócios da Web, da informática em geral, sempre têm uns casos interessantes como este. Lembram da história do Bill Gates? Quase a mesma coisa. Sempre estão roubando ideias de alguém. "Ben Mezrich conta que Zuckerberg praticamente roubou a ideia do Facebook do site Harvard Connection - enquanto era seu desenvolvedor -, e que também passou a perna em seu sócio investidor, por coincidência um brasileiro de nascimento, Eduardo Saverin." Antes o Facebook era restrito, hoje qualquer um pode entrar. Se o seu fim está decretado, não vou perder quase nada, frequentei muito pouco o Facebook.

[Sobre "O começo do fim do Facebook?"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
27/5/2010 às
11h08 189.107.99.50
 
Poucos impressos sobreviverão
Acho que a cova está aberta, atrás dos jornais ingleses e americanos que já fecharam as portas, os grandes jornais brasileiros também estarão fadados a quebradeira, endividados muitos já estão. As revistas semanais vão seguir o mesmo caminho. Só sobreviverão algumas de setores especializados, financiadas por entidades outras. Não vou dizer que não me farão falta, sempre guardaremos as lembranças de perder aquele tempo lendo as mesmas notícias em todos jornais, mas na internet podemos selecionar melhor o que ler e buscar o que interessar. É só.

[Sobre "A Web matando a velha mídia"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
24/5/2010 às
06h56 189.107.99.50
 
Semanais atrasadas
Não sei a "quantas andam" as dívidas das revistas semanais do Brasil, mas elas caminham para o mesmo beco: extinção. Só as especializadas sobreviverão. Notícias em jornais diários já chegam atrasadas, por causas da internet, imaginem semana... Nem é bom falar.

[Sobre "Sobre a morte da Newsweek"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
15/5/2010 às
07h51 189.107.90.122
 
Faça você mesmo o seu livro!
Eu quero que essas explodam. Há mais de 4 anos que produzo os meus próprios e-books. Quando há necessidade, mando encadernar, em qualquer copiadora, a quantidade que me interessar e a um preço bem mais baixo que R$ 19,99 (para mais de 100 páginas ainda fica mais barato cada cópia). Agora já encontramos empresas pequenas que produzem livros equivalentes a grandes empresas e podemos encomendar a quantia desejada (30, 40, 50 ou 100 exemplares) sem nenhuma complicação. O registro na BN (Biblioteca Nacional) também ficou bem mais fácil, é só entrar no seu site e baixar os impressos. Pra quê canseira? Laguem este pessoal prá lá. Faça você mesmo o seu livro! Abraços. Manoel.

[Sobre "Publique eletronicamente ou pereça: Ken Auletta na New Yorker"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
14/5/2010 às
14h31 189.107.90.122
 
São os tempos
Caro Rafael, você acertou no texto. Acho uma besteira essas conversas em fóruns, e-mail e Twitter, sobre Kindle e outros bichos. Tudo pode ser marketing das empresas, ninguém sabe. Como já sou bem velhinho, fico lembrando do meu tempo de Ginásio: caderno feinho, capa de papel vagabundo, todas rasgavam com dois meses de uso. Colégio: melhorou a capa, durinha (epa!), de aspiral e tudo mais. Faculdade: Tudo bem melhor, cadernões de mais de 100 folhas e capa a quatro cores. Pós-Graduação: um Notebook (para os que podiam) no colo e MP3 com fone de ouvido (ouvindo aulas/música). Lembram daqueles gravadores tijolão? E hoje a gente grava com um aparelhinho pequenino (tamanho de cartão de crédito) que cabe na palma da mão. São os tempos. Mas parece que hoje tudo mudou. Tem muita gente que não acordou, outros ouviram o galo cantar mas não sabem onde e os que sabem não fazem escândalos.

[Sobre "iPad, Kindle, salvação e histeria"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
5/5/2010 às
06h46 189.107.90.122
 
Kindle nas escolas
Não discuto aqui a substituição dos livros impessos por digital (e-books). Gostaria que as escolas adquirissem o mais rápido possível uma versão brasileira do Kindle (alguém já pirateou?). Diminuiria (e quanto!) as despesas dos pais. Só este ano (2010) gastei quase R$1.000,00 com livros da escola. E já descobri a Estante Virtual há tempos. Sem contar o peso das mochilia que diminuiria bastante, de 15 quilos para três ou quatro.

[Sobre "Cultura do livro digital?"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
1/5/2010 às
06h36 189.107.38.63
 
O peso dos livros
Não me preocupo com o que virá depois do livro eletrônico (e-book), pois já vendia livros em disquete há muito tempo. Gostaria que estes Kindles da vida custassem mais barato. Poderiam ser usados, com sucesso, na escola, na faculdade. Onde viesse um livro de R$ 150,00, poderiam comprá-los por R$10, ou R$15,00 e diminuiria o peso da mochila das meninas e meninos de 12 a 15 anos que carregam um peso que o velhinho aqui não consegue nem suspender... Quanto ao prejuizo das editoras, elas que se danem, pois já tiraram o emprego do brasileiro indo encomendar livros mais baratos na China. Deem uma olhada nos livros de seus filhos e façam esta constatação.

[Sobre "O futuro (incerto?) dos livros"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
1/5/2010 às
06h22 189.107.38.63
 
O barateamento dos livros
Julio, falou pouco e acertado! Como dizem aqui no interior. Acabei de ler sobre o iPad, o fim dos jornais, revistas e livros impressos. Acho que você tem toda razão. Os escritores de verdade devem buscar alternativas. Eu já não trabalho com livros impressos, passei para e-book há um bom tempo (2006) e já vendia em disquetes, CD e DVD, muito antes. Tenho cinco e-books, com belas capas e vendo por R$5,90 cada, envio por e-mail. Não gasto com gráfica, nem correios e outras despesas. Estou feliz, escrevo dois a três contos por semana, publico no meu blog e estamos aí para o que der e vier. Olha que não sou mais jovem, tenho 66 anos e só agora consegui entrar para a Academia Divinopolitana de Letras. Acho que com isso tudo uma coisa boa vai acontecer: o barateamento do preço dos livros. Já estou vendo livrarias vendendo livros pela metade dos preços. Na internet também. Manoel

[Sobre "Não existe pote de ouro no arco-íris do escritor"]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
29/4/2010 às
05h57 189.107.125.201
 
Salve o iPad!
Há algum tempo já esperava isso. A queda da venda dos jornais, revistas e livros só teria uma solução parcial e por pequeno período se resolvessem baixar os preços. Os livros, principalmente, que ainda são muito caros no Brasil. É um absurdo um livro de 176 p. custar R$ 42,00. Tem revistas muito caras (sem chiste!). Aqui em Minas o Jornal O Tempo conseguiu emplacar com um jornalzinho de poucas "letras" e muitas fotos a um preço de R$0,25. Salve o iPad, que pelo menos para isso serviu! Manoel

[Sobre "E o iPad não salvou os jornais e as revistas..."]

por Manoel Amaral
http://osvandir.blogspot.com
29/4/2010 às
05h30 189.107.125.201
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Cadernos de Pagu / Trânsitos
Adriana Piscitelli e Marcia Vasconcelos
Unicamp
(2008)



Concerto para duas vozes
Fernando Lara Michel Nicolau
Dix
(2008)



Asas do Amor
Johann Warren
Intergaláctica
(1993)



Não tenha medo de ser chefe
Bruce Tulgan
Sextante
(2009)



Ou Va Le Travail Humain?
Georges Friedmann
Gallimard
(1973)



Eduardo da Rocha Azevedo. a Bovespa e a Bm-f
Ângela Ximenes
Contexto
(2008)



Revisão do Cristianismo
J. Herculano Pires
Paideia
(1996)



Face the Issues
Carol Numrich
Longman
(1996)



Minha Terra Suas Lendas e Seu Folclore
Oliveira Mello
Da Prefeitura Municipal
(1985)



Segurança da Informação
Edison Fontes Cism Cisa
Saraiva
(2006)





busca | avançada
75949 visitas/dia
2,6 milhões/mês