Comentários do IP 200.171.248.6 | Digestivo Cultural

busca | avançada
58048 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Nos 30 anos, Taanteatro faz reflexão com solos teatro-coreográficos
>>> ‘Salão Paulista de Arte Naïf’ será aberto neste sábado, dia 27, no Museu de Socorro
>>> Festival +DH: Debates, cinema e música para abordar os Direitos Humanos
>>> Iecine abre inscrições para a oficina Coprodução Internacional para Cinema
>>> MAB FAAP recebe a exposição Ensaios de Inclusão
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
>>> A Lei de Murici
>>> Três apitos
>>> World Drag Show estará em Bragança Paulista
>>> Na dúvida com as palavras
>>> Fly Maria: espaço multicultural em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O melhor de 2008 ― literatura e cinema
>>> Depressão
>>> Útil paisagem
>>> Tradução e acesso
>>> A proposta libertária
>>> Francis Ford Coppola
>>> Em terra de cego, quem tem olho é Pelé
>>> No início, era o telex
>>> Viagem a 1968: Tropeços e Desventuras
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 3. Um Jogo de Poker
Mais Recentes
>>> Cruzando o Desconhecido de David Whyte pela Negócios (2002)
>>> Deus Só Recebe aos Domingos de Virgil Gheorghiu pela Bibliex (1986)
>>> Psicologia Infantil de Fernando Parolari Novelho pela Edições Paulinas (1987)
>>> A Cidade de Quatros Portas de Doris Lessing pela Record (1969)
>>> Muito Além do Nosso Eu de Miguel Nicolas pela Companhia das Letras (2011)
>>> 208 Maneira de Deixar um homen louco de desejo de Margot Saint Loup pela Ediouro (2000)
>>> Lições de um Empresário Radical de Ray C Anderson pela Cultrix (2009)
>>> Clinica do Bom Humor de Dr. Marcos Rovinski pela Age (1996)
>>> Zonas Úmidas de Charlotte Roche pela Objetiva (2008)
>>> Sob Clima de Fe de Pr. A Ramos pela Louva a Deus (1981)
>>> Gerenciando sem Recorrer a Soluções Paliativas de Ralph H Kilmann pela Qualitymarty (1997)
>>> O Bom Ladrãpo de Fernando Sabrino pela Ática (2006)
>>> O Misterio de Todos os Santos de Rafael Medeiros Augusto pela Allos (2010)
>>> Noite na Tavare - Coleção Prestigio de Ávares de Azevedo pela Ediouro (1996)
>>> Quiromancia de Evicena pela Pallas (1989)
>>> Comunicação Empresarial Eficaz de Katia Luizari pela Ibpex (2010)
>>> São Sebastião de Pe. Campos pela Paulinas (2007)
>>> Ecologia: Grito da Terra Grito dos Pobres de Leonardo Boff pela Sextante (2001)
>>> As Novas Regras da Comunidade Marketing na Mídia Social de Tamar Weinberg pela Alta Books (2010)
>>> Administração de Peter F Drucker pela Pioneira (1975)
>>> Pororoca Surfando na selva: As aventura do brasileiro que entrou para o guinness ao dominar a onda mais extensa do mundo de Serginho Laus pela Ediouro (2006)
>>> Educação: Truques Velhos, Palavras Gasta de Antonio Luiz Mendes de Almeidas pela Quórum (2004)
>>> Estado Capitalista e Burocracia no Brasil pós 64 de Luciano Martins pela Paz e Terra (1985)
>>> A Bíblia da Pequena Empresa de Paul Resnik pela Makron Books (1990)
>>> O Livro de Etiquêta: um guia para a vida elegante de Amy Vanderbilt pela Record (1962)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Segunda-feira, 13/9/2010
Comentários
200.171.248.6


Seria fabuloso o Vandré voltar
Seria fabuloso se ele voltasse, abrisse o peito, contasse sua jornada a nós, aos jovens, mas isto é uma fantasia. Algúem que há muito aprendeu a dizer não e ver a morte sem chorar, já era forte o bastante para, quando decepcionado com esta terra, construir a muralha que o separaria do escombro brasileiro pós-ditadura.

[Sobre "Geraldo Vandré, 70 anos"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
13/9/2010 às
13h40 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Preferi montar a minha editora
Discordo de você, em certas partes. Temas como sem-terras e trabalhadores do campo são interessantes, e acredito que, se o grande público conhecesse a sua narrativa, iria comprar e recomendar. No entanto, o que dita a regra de consumo é a grande mídia, então, se não virou minissérie, nem filme, e o autor não é celebridade ou esteve envolvido em nenhum escândalo, fica difícil o livro ganhar espaço de divulgação, não ganha nem vitrine na livraria que pegou o exemplar consignado. Outra forma de vender é se o mercado educativo adotar, porém, temos a barreira do catedrático se dispor em conhecer autores e obras novas, eles quase não têm tempo ou interesse, é mais fácil ater-se aos cânones. Eu preferi montar a minha editora, não sei como será ter que dividir a atenção entre escrever, produzir, vender e lançar, o tempo dirá!

[Sobre "Confissões de um escritor"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
13/9/2010 às
13h20 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Movimento literário constante
As imagens que marcaram: autor de quadrinhos tratado como popstar e milhares de pessoas consumindo literatura, concordo, são imagens de Bienal. Mas note, o nome já diz: Bienal, movimento a cada dois anos. A educação que transforma o bruto tem que ser diária, cotidiana. A Bienal, sem desmerecê-la, é elitizada, para poucos. Precisamos que saraus, feiras de livros, movimentos literários periféricos sejam incentivados, precisamos que a literatura não tenha apenas palco para estrelas, estas ficam longe da terra. Há que se trabalhar na comunidade em que se vive, juntando a família e amigos para ler uns aos outros, tal qual fazemos para jogos de futebol e último capítulo de novela. Isto, sim, seria impressionante. A Bienal é maravilhosa, mas também, com as verbas e incentivo que tem, não poderia ser diferente. É um evento livreiro que marca a vida, precisamos de movimento literário que componha a vida.

[Sobre "A Bienal do Livro ― diário de bordo"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
10/9/2010 às
11h48 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Não é tão simples assim
Caro Rafael, querer ser lido é inerente à maioria dos autores, mas atingir este objetivo não é "simples assim". Se você não é um autor conhecido, vai à Bienal para autografar e fica horas sem vender um único livro. Mesmo que você bata altos papos com leitores, troque ideias incríveis, somente um, outro ou mais provavelmente nenhum, comprará o seu livro. A não ser que, além de escritor, você seja bom vendedor. E note que, para chegar lá, no Anhembi, você teve que ter agenda livre, pagar combustível, estacionamento e, se passar o dia, terá que comer. Sem nenhum livro vendido, a verba terá de ter vindo de outra fonte de renda. Outro ponto: se você não está estabelecido por uma editora, não tem ponto de venda na Bienal, nas livrarias ou na Flip. Em Paraty, autores que vendiam seus livros na rua foram repreendidos por policiais. Esses são os fatos que não nos permitem sermos lidos.

[Sobre "Escrevemos para nós mesmos (?)"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
10/9/2010 às
11h08 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Só sei que nada sei
Para que o Cristianismo? Para que o homem exerça a humildade. Somos geniais, descobridores do universo e agora criamos a vida sintética, porém, por não sermos Deus, ou por não sermos verdadeiramente cristãos, como queiram, cada façanha nossa reverte-se em poder e arrogância. Quanto mais conhecimento, mais soberba... Que pequenez! Nós, os pensadores, deveríamos ser os primeiros a admitir que, para os mistérios do universo, para a existência ou não da alma, para a existência ou não de Deus, a resposta correta é: Só sei que nada sei.

[Sobre "Para que o Cristianismo?"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
7/6/2010 às
09h17 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Amar sempre vale a pena
Amar sempre vale a pena. Aliás, não só a pena, mas a caneta, o lápis, a tecla... O que mais traria tanto sentido a uma bela história, seja contatada ou vivida, do que o amor?

[Sobre "Dos amores possíveis"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
30/3/2010 às
08h52 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Eu Sei por Que o Pássaro Canta na Gaiola
Maya Angelou
José Olympio
(1996)



O Escaravelho de Ouro e Outras Histórias
Edgard Allan Poe
Ática



Obsessão e cura
Carlos A. Baccelli & Inácio Ferreira
Didier
(2007)



Mídia Eletrônica - Seu Controle nos Eua e no Brasil
André Mendes de Almeida
Forense
(2006)



Die Geliehene Zeit: Roman
Diana Gabaldon
Blanvalet Taschenbuch Verlag
(1998)



Revista de Doutrina e Jurisprudência 27 - Agosto de 1988
Varios
Tjdf
(1988)



Amazon - Guerreiros da Amazônia - as Armaduras Sagradas - Vol. 2
Ronaldo Barcelos
Rjr
(2012)



Quem Matou Cristian Kustermann
Roberto Ampuero
Novo Seculo
(2009)



Economic development in the third world
Michael P. Todaro
Longman
(1989)



Espiritualismo cientifico a vida fora da matéria
Espiritualismo cientifico a vida fora da matéria
Sem





busca | avançada
58048 visitas/dia
2,2 milhões/mês