Essa presença ausente... | Nancy

busca | avançada
67999 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Teatro Sérgio Cardoso recebe As Conchambranças de Quaderna de Ariano Suassuna
>>> “Meus bichos do sertão”, da artista mineira Maria Lira, em exposição na AM Galeria
>>> Maurício Limeira fará parte do DICIONÁRIO DO PROFUNDO, da Ao Vento Editorial
>>> Longa documental retrata música e territorialidade quilombola
>>> De Priscila Prade, Exposição Corpo em Quarentena abre dia 4/10
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
Últimos Posts
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Norah Jones e a massa
>>> Escolta
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Filipeta invulgar
>>> A resistência, de Ernesto Sabato
>>> A verdade, uma flor e os três cães da vida
>>> Necrológico da Biblioteca
>>> Precisamos falar sobre o Kevin
>>> Oficina de Cinema Independente em Paragominas-PA
>>> FLIPS
Mais Recentes
>>> Condorito Colección Nº 3 de Peppo pela Televisa Chile (2017)
>>> Condorito Nº 485 de Peppo pela Televisa Chile (1999)
>>> Condorito Nº 599 de Peppo pela Televisa Chile (2009)
>>> Condorito Nº 45 de Peppo pela Televisa Chile (2001)
>>> Condorito Nº 456 de Peppo pela Televisa Chile (1988)
>>> Condorito Colección Nº 5 de Peppo pela Televisa Chile (2001)
>>> Condorito Colección Nº 18 de Peppo pela Televisa Chile (1997)
>>> Groo o Errante Nº13 de Mark Evanier e Sergio Aragonés pela Abril (1991)
>>> Martin Mistère Nº 86 La Terra Che Non C'è de A. Castelli pela Bonelli (1996)
>>> Joe Labrava de Elmore Leonard pela Record (1983)
>>> Jogando com Sorte de Luiz Carlos Amorim pela Rosa dos Tempos (2000)
>>> Deltora Quest - As Florestas do Silêncio de Emily Rodda pela Fundamento (2007)
>>> Deltora Quest - O Lago das Lágrimas de Emily Rodda pela Fundamento (2006)
>>> João Nogueira Discobiografia de Luiz Fernando Vianna pela Casa da Palavra (2012)
>>> Joao Batista - Mártir Da Luta Pela Reforma Agraria de Pedro César Batista pela Expressão Popular (2009)
>>> Jony Ive: O gênio por trás dos grandes produtos da Apple de Leander Kahney pela Portfolio Penguin (2013)
>>> Jogos e Simulações de Empresas de Paulo Vicente Alves pela Alta Books (2015)
>>> Os Justiceiros de Richard Bachman pela Objetiva (1997)
>>> A fúria dos reis - As Cronicas de Gelo e Fogo de George R.R.Martin pela Leya (2011)
>>> A Dança dos Dragões - As Crônicas de Gelo e Fogo de George R. R. Martin pela Leya (2012)
>>> Cinquenta Tons Mais Escuros de E L James pela Intrinseca (2012)
>>> Espiritismo e Justiça Social de Luiz Gonzaga Pinheiro pela Eme (2004)
>>> Feliz de José Carlos De Lucca pela Intelítera (2015)
>>> Os Essênios e os Manuscritos do Mar Morto de Fernando Moreti pela Escala (2001)
>>> A Vingança Está na Moda de Rosalie Ham pela Harper Collins Brasil (2016)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 16/1/2008
Comentários
Leitores


Essa presença ausente...
Sinto o mesmo, fracassei de forma igual e admito. A saudade, essa presença ausente dói tanto...

[Sobre "Receita para se esquecer um grande amor"]

por Nancy
http://emocoespsicodelicas.blogger.com.br
16/1/2008 às
02h32 189.78.209.56
(+) Nancy no Digestivo...
 
É tudo de bom!
Amei este lindo romance... E quem não amaria? Ele é simplesmente fantástico. Um cenário rico que nos leva a desejar ter vivido naquela época. Atores maravilhosos... Nossa! Como o Mr. Darcy é lindo! É o sonho de consumo de qualquer mulher... Sem contar com o fato de que o filme não foge aos padrões da moral e dos bons costumes, garantindo sua qualidade sem precisar de pornografia.

[Sobre "Orgulho e preconceito, de Jane Austen"]

por eliane cristina
15/1/2008 às
18h03 200.193.192.98
(+) eliane cristina no Digestivo...
 
Sectarismos e rivalidades
Caro Carlos, se ficarmos inventando subterfúgios para tudo o que acontece aqui, nada mudará. Se você está satisfeito, está no seu direito. Mas eu também tenho o direito (ou dever) de não concordar com isso. Difícil é saber quem é mais ingênuo: eu, o Renato ou você. Saulo, existe uma grande diferença entre "potencial criminoso" e criminoso confesso e você deve saber bem que os criminosos confessos estão todos livres. Sobre alternativas, proponho apenas que sejamos menos fanáticos em relação à política. O brasileiro vê a política como uma torcida de futebol. O "clássico" PSDB x PT é muito diferente do Fla-Flu. Luiz, sua pergunta é muito boa. Não, não acho que os políticos do "1º mundo" sejam melhores do que os nossos. As mentiras e a hipocrisia são as mesmas. A grande diferença é que, em alguns países, as pessoas podem até votar no sujeito, mas sem a mesma esperança e idolatria daqui. Somos muitos permissivos e acreditamos muito em salvadores da pátria e milagres eleitorais (ou eleitoreiros).

[Sobre "Preconceitos"]

por Diogo Salles
http://www.diogosalles.com.br
15/1/2008 às
15h19 200.185.30.10
(+) Diogo Salles no Digestivo...
 
O lírico rebelde
Quem acompanhou a carreira de Cazuza desde o início (meados dos anos 80) tem a impressão de que o filme, apesar de muito bom, representa apenas um pequeno retrato de como foi e é esse artista ímpar na história da música popular brasileira. Tudo em Cazuza era exagerado; a vida, os poemas fantásticos e loucos, o amor, o ódio e a força de viver. O filme mostra 10% de cada um.

[Sobre "Cazuza e o retrato do artista quando jovem"]

por claudemberg
15/1/2008 às
14h05 200.164.88.170
(+) claudemberg no Digestivo...
 
Você não me entendeu...
Rafael, pelo seu comentário, provavelmente você não entendeu o que eu escrevi. Não falei que o Diogo precisa levantar e dar o exemplo, e sim que criticar é fácil, e generalizar que todos os políticos são ruins é mais fácil ainda, porque assim não se corre o risco de errar na análise. Apesar de eu falar para o Diogo ir lá e mostrar (somente para provocá-lo), o meu ponto central no texto é exatamente o que o Saulo colocou no 3º comentário dele. Se existir políticos bons, devemos mencioná-los, ainda que corramos o risco de no futuro eles nos decepcionarem. Não estou fazendo nenhum generalismo, aliás, pelo contrário, afinal foi isso que critiquei no texto do Diogo. O que coloquei é que não devemos ter preconceito dos políticos, e sim exaltar os bons e criticar os ruins, sem o generalismo que todos são ruins... Mas fico feliz que você citou meu comentário. Abracos.

[Sobre "Preconceitos"]

por Renato
15/1/2008 às
03h16 68.33.9.227
(+) Renato no Digestivo...
 
Anarquia, ô ô!
Caro Diogo, muito bom o seu texto. Como chargista, é mesmo fundamental manter um olhar crítico e uma certa desesperança em relação à classe política. Assumir um preconceito e destilar sua ira contra tal classe também me parece atitude saudável. Fico, porém, com uma dúvida. E não vai aí nenhuma ironia. Tal preconceito é válido também para os políticos do tal primeiro mundo? Se sim, qual a melhor forma de organizar uma socidade? Seria a não-organização, a anarquia romântica na qual muitos acreditaram no início do século passado? Abraços

[Sobre "Preconceitos"]

por Luiz Augusto Lima
14/1/2008 às
23h05 200.244.157.240
(+) Luiz Augusto Lima no Digestivo...
 
Bravo!
L.A.O. quer sair e voltar, só pra gastar mais energia, ficar cansado e agüentar de tudo, aqui.

[Sobre "Máximas"]

por Amanda
http://www.ocior.blogspot.com
14/1/2008 às
22h54 201.78.143.108
(+) Amanda no Digestivo...
 
Arregacem as mangas! parte2
Alguém precisa dar o bom exemplo, e este deve ser propagado. Se um político exerceu bem sua função (simplista e ingênuo é aquele que acredita que todos, 100% são desprezíveis e incapazes), este deve ser exaltado. Mesmo correndo o risco de ter que criticá-lo no futuro próximo. A boa conduta e o bom trabalho tem que ser o exemplo, e para que isto aconteca precisamos exaltá-lo. Sempre fui muito reticente com as facções políticas que na oposição apenas criticam e não propõem alternativas, independente de partidos e crenças. Fiscalizar e criticar deve ser um exercicio diário de todos nós, mas devemos, também, "arregaçar as mangas", propondo alternativas e cobrando punição ao mal e exaltando o bom. Temos que deixar de ser uma pátria de bundões que só fazem criticar e crer que está tudo perdido. Temos que arregaçar as mangas!

[Sobre "Preconceitos"]

por Saulo Ferraz
14/1/2008 às
15h49 199.67.140.84
(+) Saulo Ferraz no Digestivo...
 
Arregacemos as mangas! parte1
Entrando na seara política, os problemas deste País, na minha singela opinião, se resumem a dois principais pontos: falta de educação e excesso de impunidade. Assim como Maquiavel e Hobbes, considero o homem fundamentalmente mau. E através da politíca, que é a representação da sociedade através de alguns indivíduos, dadas as "oportunidades" que se apresentam, estes estão mais propensos a exercer a maldade. E assim no mundo inteiro. Qual a diferença, então? Em outros países, além da fiscalização e das críticas, existe uma sociedade e instrumentos que punem aqueles que fogem ao bom comportamento social. Isto comeca com uma conscientização de toda a população e que só acontece quando você tem um povo mais educado, coisa que nos falta em muito. Para que isto aconteca, é necessária uma mobilização de todos os entes sociais nesta direção, mas de muita vontade política tambem. Aí que me encontro ao Renato. Criticar e fiscalizar é muito importante, mas o que vem depois?

[Sobre "Preconceitos"]

por Saulo Ferraz
14/1/2008 às
15h47 199.67.140.84
(+) Saulo Ferraz no Digestivo...
 
Sociedade é assim!
Seguindo na mesmice dos comentários anteriores, quero parabenizá-lo, Diogo, pela qualidade do seu texto que se une ao seu desenho. Sobre seu comentário com relação à classe jurídica, você bem disse que é restrito a alguns "grotões do Poder Judiciário e outros tantos advogados criminalistas que mancham toda a classe". Entendo que o preconceito deveria ser concentrado no que tange ao pagamento dos honorários com dinheiro sujo. Como dito, todos têm direito a defesa e assim é que se vive em uma sociedade civilizada. Sendo assim, a presença de um advogado criminalista defendendo um "potencial criminoso" ("potencial" porque antes que se prove o contrário todos são inocentes) é justa e necessária durante todo o rito processual. Esta é uma profissão como outras tantas inserida em uma sociedade civilizada como tantas outras no mundo, exceto alguns regimes autoritários.

[Sobre "Preconceitos"]

por Saulo Ferraz
14/1/2008 às
15h43 199.67.140.84
(+) Saulo Ferraz no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Síntese do Espiritismo
Ariston Santana Teles
Do Autor
(1990)



Ser Mãe é Sorrir Em Parafuso
Lô Galosso
Integrare
(2007)



Quanto Vale a Sua Alma?
Lucas Lima
Multifoco
(2017)



O Contador de Histórias
Harold Robbins
Circulo do Livro
(1985)



Computador Sentimental
Ricardo Filho
Atual
(1992)



A Escalada do Homem
J. Bronowski
Martins Fonte / Unb
(1979)



Empreendedorismo Inovador Como Criar Startups de Tecnologia
Nei Grando
Evora
(2012)



Comportamento
Broadbent
Perspectiva
(1972)



Como Eles Se Conheceram
Joey Green
Panda Books
(2007)



Pequenos Grupos para o Tempo do Fim
Kurt W. Johnson
Casa
(2000)





busca | avançada
67999 visitas/dia
2,2 milhões/mês