Tati | Alexandre

busca | avançada
38458 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 13/5/2002
Comentários
Leitores


Tati
Mas Evandro, o melhor argumento contra o que eu disse é, acho, Jacques Tati, o diretor de cinema francês. Ele não gostava de ler. Mas se Jacques Tati não era humano, quem é humano? É claro que algumas pessoas que não lêem são melhores que algumas pessoas que lêem. Mas mesmo assim acho que bem que elas podiam ler as atas do clube de vez em quando- para entrar mais "no espírito da coisa", como se diz. Se são tão humanas assim sem ler (e algumas são, reconheço), imagine como ficariam depois de ler Walt Whitman. Não é? -Toni, obrigado pelo "inspirada" antes de "coluna no DC". Obrigado ao Ricardo, que é um leitor oblomovista, por ler um leitor peripatético (duas tribos diferentes, mas amigáveis). Um abraço a todos, Alexandre.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Alexandre
13/5/2002 às
06h03 200.207.125.11
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Glorious victory
Sim, eu sempre gostei de "...And Lion Heart, and black-brow'd Edward with His loyal queen shall rise, and welcome us!" Se prepare, Sue, se prepare! Prepare your arms for glorious victory!

[Sobre "Quem é essa gente?"]

por Alexandre
13/5/2002 às
05h35 200.207.125.11
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Fim do no.
O povo tem interesse pela cultura, provavelmente o que ocorre é que os navegadores são na sua maioria jovens, é interessante saber que muitas mulheres com faixa etária mais ou menos 30/40 anos não se interessam por informática, ou quando demonstram algum, é pelo e_mail ou o editor de textos o word do office. Em relação a homens é mais abrangente mas também acredito que a maioria dos navegantes sejam jovens, é raro ver algum adolescente se interessar por sites de notícias. A Globo.com que tinha em seu conteúdo somente matérias, atualmente já podemos ver em suas páginas paparazzos e garotas em pop-ups. A internet é conhecida entre os pais por pedofilia e pornografia, seria hora de mudar este quadro. Muito boa sua matéria, parabéns, vi lá no blog da Meg. Abraços Suely A Blogueira dos 'enta'

[Sobre "A internet e o fim do no."]

por Suely
13/5/2002 à
00h35 200.154.211.85
(+) Suely no Digestivo...
 
Todos foram chamados! :)
Caro Ricardo, essa é uma situação-limite. Se a pessoa te indica Paulo Coelho, fica fácil dar o pé nela. Estou falando de alguém de quem você realmente gosta e que não é nenhum ignorante, mas que tem um nível intelectual razoável. O que quero dizer é o seguinte: é possível amar uma pessoa que não faz as mesmas coisas que você. O mundo dá muitas voltas e pode ser que duas pessoas se conheçam e se amem e depois comecem a seguir caminhos diferentes e continuem se amando mesmo assim. Mas mesmo sem levar em conta nada disso, já há um problema aqui, e é esse problema que eu quero ressaltar: é fácil afirmar, por exemplo, que um professor de filosofia é mais humano que uma ginasta. Mas imagine-se no lugar da ginasta ouvindo isso... Esta é uma questão prática e séria que não tem solução dentro de um âmbito de discussão puramente teórico. Quero dizer, se uma pessoa tem uma vida que para ela faz sentido, se ela tem amigos, se ela é feliz, que sentido há em falar que ela é menos humana que outra? Que direito nós temos de julgar quem é mais humano? Você acha que Aristóteles foi mais humano que você? Ou ainda: você acha que, caso Aristóteles tenha sido mais humano que você, isso vai fazer alguma diferença na sua vida? Isso aqui está mais parecendo uma terapia, né?! Aliás, se tivesse algum psicólogo aqui, poderia me ajudar em meus argumentos, pois os terapeutas têm muita experiência prática com clientes e sabem que as coisas não são tão simples assim. Estou dando uma de Sócrates de propósito. Não deixo de reconhecer os méritos de quem busca o conhecimento. Acho isso uma das coisas mais bonitas do ser humano, talvez a mais bonita. Mas ao mesmo tempo me recuso a adotar a postura fácil de dizer que todo mundo deveria ser filósofo. Ou que, como dizia Platão, o verdadeiro filósofo é o ser mais perfeito que existe. Quanto mais eu estudo, mais vejo erros nas opiniões das pessoas "comuns". Mas vejo que algumas pessoas são abertas ao que eu digo e outras não. E tenho a impressão de que talvez seja isso que torne as pessoas mais humanas. Muitas vezes vejo mais humanidade em um motorista de taxi do que em um doutor em filosofia, que já leu centenas de livros.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Evandro Ferreira
12/5/2002 às
21h56 200.167.234.134
(+) Evandro Ferreira no Digestivo...
 
NÃO FUI CHAMADO, MAS ...
Amigo Evandro: ao procurarmos uma companheira, queremos uma com afinidades de gostos. Eu não esperaria seis anos para saber se minha namorada é uma leitora substancial ou não ... Não só verifico a quantidade, mas o conteúdo da leitura das mulheres pelas quais me interesso (sou chato, sei disso). Num momento de questionamento, como tantos em minha vida, se uma mulher aconselha-me a leitura de Paulo Coelho para clarear-meas idéias, qualquer relacionamento futuro está automaticamente abortado.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Ricardo
12/5/2002 às
21h06 200.191.12.186
(+) Ricardo no Digestivo...
 
o melhor comentário que li
Se entendi esse texto é do Julio Borges... Só quero registrar que foi o melhor comentário que li sobre o Falange Canibal. Tenho lido muitas coisas e escutado muitas "reclamações" sobre excesso de eletrônica e a falta do Suzano. Rebato a estas opiniões, pois concordo que Lenine sempre "sobra" no seu trabalho independente de quem o acompanhe, ele basta, e mais que isso, minha primeira audição do Falange me encheu os ouvidos com o lirismo a que vc se refere, e arrisco a dizer que este é o cd mais melancólico de Lenine, melancolia positiva... Não senti falta de nada no Falange, achei maravilhoso, e acho que Encantamento, e Sonhei, são das coisas mais delicadas e belas que já ouvi em minha vida. Reafirmo que Lenine sempre "sobra". Pra mim Lenine chegou há muito tempo, e de mim não acredito que irá sair jamais...

[Sobre "Digestivo nº 75"]

por catia
12/5/2002 às
20h38 200.222.94.200
(+) catia no Digestivo...
 
Só pra complicar
Tenho-me sentido extremamente inclinado a concordar com o fato de que quem lê é mais humano que quem não lê. Ou que quem busca o conhecimento é mais humano que quem não busca. Mas vou contar uma coisa, só para complicar. Você conhece uma pessoa e passa a viver com ela. Ela é, digamos sua namorada. Depois de uns seis anos juntos, você se adoram, se amam mesmo. Moram juntos e até pensam em casar. Só tem um problema: ela só lê uns dois livros por ano, ou nem isso. De repente você descobre que ela é menos humana do que você, que lê, digamos, uns 40 livros por ano. Como contar isso a ela? Será que, se isso acontecesse com vocês, vocês teriam tanta certeza sobre essa teoria? Será que não existem outras qualidades que pesam para a "humanidade" de uma pessoa, além da leitura e do conhecimento? Essas são perguntas para as quais não tenho resposta. Mas são muito sérias.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Evandro Ferreira
12/5/2002 às
19h33 200.167.234.134
(+) Evandro Ferreira no Digestivo...
 
Blake
Marchemos então, meu general! Sem trégua nem piedade. Somos nós ou eles! "Prepare, prepare the iron helm of war,/Bring forth the lots, cast in the spacious orb;/Th'Angel of Fate turns them with mighty hands,/And casts them out upon the darken'd earth!/ Prepare, prepare!/(...) Soldiers, prepare! Our cause is Heaven's cause;/Soldiers, prepare! Be worthy of our cause:/ Prepare to meet our fathers in the sky:/ Prepare, O troops, that are tofall to-day! /Prepare, prepare!

[Sobre "Quem é essa gente?"]

por Assunção Medeiros
12/5/2002 às
14h10 200.222.208.253
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Se mudar, pode melhorar...
Motivado pelo seu texto, arrisquei uma "olhada" no programa. Realmente confirma a crítica contida no texto. Há, por outro lado, um espaço aberto na mídia, para um programa deste tipo, por exemplo com a Lucia Guimarães. Valeu a sugestão e a crítica.

[Sobre "Com a calcinha aparecendo"]

por Oswaldo C. Neto
11/5/2002 às
08h41 200.198.78.138
(+) Oswaldo C. Neto no Digestivo...
 
Jornalistas e cultura
Não concordo com uma coisa no texto: a conhecida dificuldade dos jornalistas em administrar qualquer coisa que não seja palavras nos textos não foi a responsável pela derrocada de sites incríveis como o no. O que aconteceu foi uma euforia generalizada, tanto do pessoal criativo quanto daqueles que lidam com números (esperemos, também criativamente). Agora, concordo com todo o resto, principalmente o último parágrafo: "Que a única chance de sobrevivência é produzir um mix entre o besteirol e a pornografia?". É triste, mas tenho a impressão que é isso mesmo. Minha experiência de trabalho em um site grande foi exatamente essa. Tínhamos um time de primeiríssima linha, só gente competente, fazendo um conteúdo ótimo e, no entanto, os leitores pediam mais e mais sexo - uma pesquisa comprovou isso. Fotos de atrizes e atores nus (ou quase) eram mais importantes do que a cobertura em tempo real. Acho que a discussão aqui é essa mesma, exposta no último parágrafo: "Que neste país ninguém valoriza a cultura, a educação e as artes assim constituídas?". Minha resposta é: não.

[Sobre "A internet e o fim do no."]

por Maria Fabriani
11/5/2002 às
06h14 213.66.226.114
(+) Maria Fabriani no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




INSTRUMENTACIÓN ELÉCTRICA Y SISTEMAS DE MEDIDA
B. A. GREGORY
GG
(1984)
R$ 58,41



FILOSOFIA POLÍTICA E LIBERDADE
ROLAND CORBISIER
PAZ E TERRA
(1978)
R$ 22,00



MAIS VALE O QUE SE APRENDE QUE O QUE TE ENSINAM
ALEX PERISCINOTO PARTICIPAÇÃO DE IZABEL TELLES
BEST SELLER
R$ 19,84



O CAMINHO DO CORAÇÃO
FERNANDO SÁNCHEZ DRAGÓ
RECORD
(1990)
R$ 25,90
+ frete grátis



ESCOLAS DE SAMBA: UM SHOW DE LUXO E ALEGRIA - CARNAVAL 82
MANCHETE Nº 1559 DE 6 DE MARÇO DE 1982
BLOCH
(1982)
R$ 45,28



AMOR VERDADEIRO
PADDY S. WELLES
MELHORAMENTOS
(2006)
R$ 9,90



AOS PAIS DE ADOLESCENTES
EDUARDO KALINA; HALINA GRYNBERG
FRANCISCO ALVES
(1985)
R$ 12,00



PORTUGAL: LEMBRANÇAS DE UMA VIAGEM
ALBERTO MOSA
ELEVAÇÃO
(1999)
R$ 12,60



A MORTE E A MORTE DE QUINCAS BERRO DAGUA
JORGE AMADO
RECORD
(1975)
R$ 6,50



GRANDE ENCICLOPÉDIA PORTUGUESA E BRASILEIRA VOL. 6 OMA ZUING
DIVERSOS AUTORES
ZAIROL
(1999)
R$ 45,00





busca | avançada
38458 visitas/dia
1,4 milhão/mês