que minoria sem defesa? | Helion

busca | avançada
60396 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conto HAYEK, de Maurício Limeira, é selecionado em coletânea da Editora Persona
>>> Os Três Mosqueteiros - Um por Todos e Todos por Um
>>> Sesc 24 de Maio recebe o projeto Parlavratório - Conversas sobre escrita na arte
>>> Cia Caravana Tapioca faz 10 anos e comemora com programação gratuita
>>> Eugênio Lima dirige Cia O GRITO em novas intervenções urbanas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
Últimos Posts
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
>>> Mimético
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Sultão & Bonifácio, parte I
>>> Fui pra Cuba
>>> Sobre o preço dos livros 1/2
>>> No altar do vento
>>> Hamlet... e considerações sobre mercado editorial
>>> Novos Melhores Blogs
>>> The Romantic Poets, by Kevin Mundy
>>> Mais pressão na caldeira
>>> Manual para revisores novatos
>>> É suave a noite
Mais Recentes
>>> Sob o Sol-Jaguar de Italo Calvino pela Companhia das Letras (1995)
>>> O que Einstein disse a seu cozinheiro - vol. 2: Mais ciência na cozinha de Robert L. Wolke pela Zahar (2003)
>>> O que Einstein disse a seu cozinheiro - vol. 1: A ciência na cozinha de Robert L. Wolke pela Zahar (2003)
>>> O Poder do Silêncio de Eckhart Tolle pela Sextante (2016)
>>> O Poder do Agora de Eckhart Tolle pela Sextante (2002)
>>> O Toque de Midas de Colleen McCullough pela Bertrand Brasil (2007)
>>> O Comite da Morte de Noah Gordon pela Rocco (1996)
>>> La Bodega de Noah Gordon pela Rocco (2008)
>>> Xama a historia de um medico no seculo XIX de Noah Gordon pela Rocco (1993)
>>> O Rabino de Noah Gordon pela Rocco (1994)
>>> O Rabino de Noah Gordon pela Rp (2021)
>>> O Fisico - A epopeia de um medico medieval de Noah Gordon pela Rocco (1993)
>>> O Silencio dos Inocentes ( capa dura) de Thomas Harris pela Altaya Record (1989)
>>> Hannibal de Thomas Harris pela Record (1999)
>>> O Jardim de Ossos de Tess Gerritsen pela Record (2009)
>>> O Clube Mefisto de Tess Gerritsen pela Record (2016)
>>> Gestão Empresarial de Taylor aos Nossos Dias de Ademir Antonio Ferreira e Outros pela Pioneira (2000)
>>> O Dominador de Tess Gerritsen pela Record (2016)
>>> Pão Diário 15 de Vários Autores pela Rtm (2012)
>>> Cadernos da Pós-Graduação Cinema e Fotografia de Instituto de Artes Unicamp pela UniCamp (2006)
>>> Daniel Deronda de George Eliot pela Paz e Terra (1997)
>>> A revolução da esperança de Erich Fromm pela Círculo do livro (1979)
>>> Cora Coralina - Coleção Melhores Poemas de Seleção de Darcy França Denófrio pela Global (2008)
>>> Desenho Técnico Volume 2 de Thomas E. French pela Globo (1978)
>>> Desenho Técnico Volume 1 de Thomas E. French pela Globo (1978)
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 4/7/2002
Comentários
Leitores


que minoria sem defesa?
Ronaldo, se eu li entrelinhas demais, desculpe. Vou ler de menos agora: quem é a “minoria sem defesa” com que você intitula seu comentário? Poderia explicar, por favor?/// Bem, se você acha que as tradições são fundamentalmente transcendentais e não culturais, como eu julgo ter entendido, não vamos discutir por isso. É a sua opinião e nem me parece ser o central nesse debate./// Você defende o artigo do Felix dizendo que a generalização é uma das características da racionalidade. Diria que é um dos momentos da mesma, mas não me parece que seja razoável a generalização que abarca da música do Tiririca a Gramsci, dos meninos de rua à Revolução Francesa. Apenas um intelectual com um estofo formidável conseguiria articular isso tudo sem fazer o resultado parecer uma geleia geral./// Ao contrário do que você diz, as “citações bibliográficas” não o redimem deste problema. Há um único livro citado, da Bibliex. Se você tanto condena o academicismo, não deveria também se entusiasmar com uma base bibliográfica assim tão pujante./// continua...

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por Helion
4/7/2002 às
19h52 200.154.217.99
(+) Helion no Digestivo...
 
Minoria sem defesa
Helion, creio que você leu entrelinhas demais em meu comentário. Eu apenas fiquei entusiasmado com a oportunidade do artigo pois a situação atual pede tais intervensões. Com relação as tradições se ancorarem em racionalidades eu discordo pois os fundamentos são trasncendentais e não culturas. A racionalidade é ai posterior, vem a título de comentário ou suporte as várias esferas da realidade. O cultural é posterior e a antropolgia e a sociologia chega bem depois do fenômeno espiritual ter fundado a civilização. Não acho o artigo do Felix genérico. Há ótimas referências e com citações bibliográficas. Um artigo nem precisa ser tão específico assim. Não é um documento acadêmico (graças a Deus). Dizer que ele não foi racional pelo grau de generalização também é estranho. A generalização é inclusive uma das características da racionalidade. Ainda que tivesse sido genérico não foi falacioso, panfletário ou irresponsável. Se ele representa uma minoria não o é por vontade própria. Hoje em dia quem consegue ter uma visão de mundo mais abrangente e profunda que a patrocinada pela mediocridade midiática já é minoria. E uma minoria sem ongs para defesa. abraços

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por RONALDO
4/7/2002 às
14h04 200.249.133.135
(+) RONALDO no Digestivo...
 
A arte da crítica
É sabido que os "custos de entrada" na internet são baixos. Nesse sentido, é mais barato montar na web um site de venda de livros usados do que abrir um sebo numa rua comercial. Fazendo um paralelo com o jornalismo, os custos fora da internet também tendem a ser mais elevados. Como se pode imaginar, jornalistas de sucesso, como Daniel Piza, não "chegaram lá" apenas por serem inteligentes, cultos, articulados, mas porque também e sobretudo lutaram bravamente por seus lugares nas instituições em que atuam. Essa briga por espaço é frequentemente árdua e inclui aturar chefes intratáveis, almoços/jantares intermináveis, granjear simpatias e esquivar-se de armadilhas corporativas, etc. É humano e natural que alguém que tenha brigado tanto olhe com azedume para a nova mídia, no caso a internet, que altera as regras do jogo, reduzindo a importância relativa tão duramente conquistada. Concordo com você que ambos os "setores" só têm a ganhar na medida em que colaborarem mutuamente. Se a um lado, o internético, não chega a ser doloroso estender a mão, ao outro, o do jornalismo tradicional, caberá o bom senso de apertá-la. Evocando Bob Dylan, times they are changing...

[Sobre "Digestivo nº 88"]

por Toni
4/7/2002 às
13h13 200.180.4.212
(+) Toni no Digestivo...
 
Irracionalidades
Ronaldo, há diferentes tradições espirituais na humanidade. A manutenção de valores é uma delas. A busca por maior justiça social é outra. Nem sempre são incompatíveis, e ambas pretendem se ancorar também em diferentes racionalidades. Critiquei – pretendi que racionalmente – o artigo do Felix justamente por ser uma exposição genérica, que chamava de “bantustão” tudo aquilo que parecia lhe desagradar. O que não era, convenhamos, uma forma racional de argumentar. Cabia a ele rebater minha crítica, e não o fez, pelo menos até agora. O que não ajuda muito a sua afirmação de que ele expressa uma luta da “minoria culta e pensante” contra os “irracionais e desinformados”. Saudações.

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por Helion
4/7/2002 às
11h29 200.154.217.169
(+) Helion no Digestivo...
 
Irracionalidades
Excelente artigo, boa pesquisa e muito oportuno em tempos de irracionalidade como o nosso. A maioria da população "pensante" influenciada que está pela cultura moderna, revolucionária, desconstrucionista, reivindicatória, etc, terá forte aversão aos argumentos. Na verdade, estou quase convencido de que os argumentos não têm mais força contra a maré revolucionária, contra a desinformação e a ignorância. Os valores universais, as contribuições das várias tradições espirituais da humanidade estão sendo mumificadas por essa turba festiva. Creio que uma nova fase de grande irracionalidade está surgindo, dos dois lados, pois toda ação provoca uma reação contrária. Ninguém estará preparado pra isso, a não ser os de cultura e formação intelectual e espiritual.

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por ronaldo
4/7/2002 às
09h51 200.249.133.135
(+) ronaldo no Digestivo...
 
A Grande Verdade
A grande verdade é a seguinte: comunistas, intelectuais, vegetarianos, indies, poetas concretos, argentinos, hippies e flamenguistas da Era Zico são muito chatos...

[Sobre "Ludopédio em Pindorama"]

por Fernando Paiva
3/7/2002 às
16h43 200.170.143.127
(+) Fernando Paiva no Digestivo...
 
A odisséia da escrita
Deslumbrante a interpretação deste jovem e talentoso escritor. Sua sensibilidade em retratar o universo mais recôndito do homem e suas facetas é sublime. Como diria Clarice Lispector: "Não, não é facil escrever.É duro como quebrar rochas. Mas voam faiscas e lascas como aços espelhados" Parabéns meu jovem.

[Sobre "Direito de Sentido"]

por Marcia Bindo
3/7/2002 às
15h18 200.215.183.1
(+) Marcia Bindo no Digestivo...
 
Escapando da manada
Felipe, não estou familiarizado com o PQP, a que você diz pertencer, nem com o TFP, de sua pergunta. Na verdade, não tenho nem tenciono ter filiação partidária. Sinto, no entanto, que faço parte de um grupo de eleitores brasileiros que decididamente não acredita em histórias da carochinha, contos de fadas, mitos urbanos, etc. etc...

[Sobre "Ludopédio em Pindorama"]

por Toni
3/7/2002 às
14h22 200.180.4.212
(+) Toni no Digestivo...
 
Viktor Frankl
E a mim deu vontade de ler o livro pela primeira vez. Parabéns também, Evandro. Tanto por este texto quanto pelo anterior, sobre publicitários. Um abraço- Alexandre.

[Sobre "Direito de Sentido"]

por Alexandre Soares
3/7/2002 às
11h13 200.205.157.155
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Análise ludopédica
Parabéns, para quem não se considera pseudo-intelectual, você se saiu bem: misturou futebol com comunismo com eleições com sociedade, e ainda por cima fez uma análise socio-cultural-ecológica no contexto das andorinhas migratórias.
"[...] inteiramente desarmada, transformada em manada pelas "organizações civis"."
Só por curiosidade: você é do TFP, né não? PS: meu nome é Felipão

[Sobre "Ludopédio em Pindorama"]

por Felipe
3/7/2002 à
01h53 64.171.191.17
(+) Felipe no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Arritmias Cardíacas
Ohilip J. Podrid e Peter R. Kowey
Medsi
(2000)



Balança Coração
Walcyr Carrasco
Ática
(1999)



Manual do Engenheiro Globo 2º Volume 2º Tomo
Alfredo Paez e Outros
Globo
(1977)



Svart Stig
Asa Larsson
Bonnier
(2007)



O último Amor
A. P Mendonça
7 Letras
(2007)



Riso Rimado - Autografado
Oswaldo Gomes
Taba Cultural
(2006)



Clássicos da Poesia Brasileira
Vários Autores
O Globo
(1997)



A Trolha
Diversos Autores
Maçônica
(1993)



79 Park Avenue
Harold Robbins
Record
(1955)



Abc da Literatura - 12ª Edição - Nova Edição
Ezra Pound
Cultrix
(2013)





busca | avançada
60396 visitas/dia
2,2 milhões/mês