Frida | Vanessa Brasil Marti

busca | avançada
67999 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Teatro Sérgio Cardoso recebe As Conchambranças de Quaderna de Ariano Suassuna
>>> “Meus bichos do sertão”, da artista mineira Maria Lira, em exposição na AM Galeria
>>> Maurício Limeira fará parte do DICIONÁRIO DO PROFUNDO, da Ao Vento Editorial
>>> Longa documental retrata música e territorialidade quilombola
>>> De Priscila Prade, Exposição Corpo em Quarentena abre dia 4/10
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
Últimos Posts
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Millôr desde a escola, e pela vida afora
>>> Norah Jones e a massa
>>> Escolta
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Filipeta invulgar
>>> A resistência, de Ernesto Sabato
>>> A verdade, uma flor e os três cães da vida
>>> Necrológico da Biblioteca
>>> Precisamos falar sobre o Kevin
>>> Oficina de Cinema Independente em Paragominas-PA
Mais Recentes
>>> Condorito Nº 600 de Peppo pela Televisa Chile (2009)
>>> Condorito Nº 455 de Peppo pela Televisa Chile (1988)
>>> Condorito Nº 449 de Peppo pela Televisa Chile (1995)
>>> Condorito Colección Nº 3 de Peppo pela Televisa Chile (2017)
>>> Condorito Nº 485 de Peppo pela Televisa Chile (1999)
>>> Condorito Nº 599 de Peppo pela Televisa Chile (2009)
>>> Condorito Nº 45 de Peppo pela Televisa Chile (2001)
>>> Condorito Nº 456 de Peppo pela Televisa Chile (1988)
>>> Condorito Colección Nº 5 de Peppo pela Televisa Chile (2001)
>>> Condorito Colección Nº 18 de Peppo pela Televisa Chile (1997)
>>> Groo o Errante Nº13 de Mark Evanier e Sergio Aragonés pela Abril (1991)
>>> Martin Mistère Nº 86 La Terra Che Non C'è de A. Castelli pela Bonelli (1996)
>>> Joe Labrava de Elmore Leonard pela Record (1983)
>>> Jogando com Sorte de Luiz Carlos Amorim pela Rosa dos Tempos (2000)
>>> Deltora Quest - As Florestas do Silêncio de Emily Rodda pela Fundamento (2007)
>>> Deltora Quest - O Lago das Lágrimas de Emily Rodda pela Fundamento (2006)
>>> João Nogueira Discobiografia de Luiz Fernando Vianna pela Casa da Palavra (2012)
>>> Joao Batista - Mártir Da Luta Pela Reforma Agraria de Pedro César Batista pela Expressão Popular (2009)
>>> Jony Ive: O gênio por trás dos grandes produtos da Apple de Leander Kahney pela Portfolio Penguin (2013)
>>> Jogos e Simulações de Empresas de Paulo Vicente Alves pela Alta Books (2015)
>>> Os Justiceiros de Richard Bachman pela Objetiva (1997)
>>> A fúria dos reis - As Cronicas de Gelo e Fogo de George R.R.Martin pela Leya (2011)
>>> A Dança dos Dragões - As Crônicas de Gelo e Fogo de George R. R. Martin pela Leya (2012)
>>> Cinquenta Tons Mais Escuros de E L James pela Intrinseca (2012)
>>> Espiritismo e Justiça Social de Luiz Gonzaga Pinheiro pela Eme (2004)
COMENTÁRIOS

Domingo, 16/11/2003
Comentários
Leitores


Frida
Nossa, fico impressonada com a historia da Frida, ela era uma mulher muito forte, se fosse eu, jamais conseguiria sboreviver a tanta coisa, so no acidente, ja teria morrido. Me interessei demias pela historia de sua vida.

[Sobre "Frida Kahlo e Diego Rivera nas telas"]

por Vanessa Brasil Marti
16/11/2003 às
20h32 200.163.131.61
(+) Vanessa Brasil Marti no Digestivo...
 
Vale a pena conhecer
Esse disco do Lô Borges, "tenis", é especial. Prefiro ouvir desacompanhado, pra não ser incomodado. Melódico e simples, me transmite tranquilidade. Com 2 minutos, a faixa "o caçador" precisa ser escutada algumas vezes, porque cada vez se descobre um novo sentido, isso sem contar com os brilhantes acordes do contra-baixo tocado pelo Beto Guedes. A discografia do Lô Borges é pequena mas de rara qualidade.

[Sobre "Lô Borges e a MPB"]

por Celso
15/11/2003 às
14h03 200.158.150.236
(+) Celso no Digestivo...
 
jovens civilizados
Eduardo, embora eu já tenha 27 anos, me identifico com o grupo de 'jovens civilizados' que você tão bem descreveu. É bom saber que não estou sozinha. Aproveito a oportunidade para lhe dizer que não li em vão o seu "Não li em vão." Parabéns pelos artigos!

[Sobre "Geração abandonada"]

por Geraldine
15/11/2003 à
01h29 200.250.195.16
(+) Geraldine no Digestivo...
 
O que mais dizer?
Nada. Perfeito!

[Sobre "Geração abandonada"]

por Cláudio
14/11/2003 às
23h13 200.214.93.247
(+) Cláudio no Digestivo...
 
O primeiro caso
Caro Eduardo, nunca imaginei ler algo assim... Um escritor puxa-saco de seus leitores. Com certeza é supreendente encontrar pessoas com essa idade que ainda o utilizam o cerébro para construir idéias próprias. Também impressiona saber que muitos desses grandes homens estão mais próximos do que imaginamos. Ia me esquecendo: obrigado pelos elogíos a nós, leitores do digestivo cultural e de sua coluna.

[Sobre "Geração abandonada"]

por Otavio
14/11/2003 às
20h51 200.246.210.5
(+) Otavio no Digestivo...
 
!
Excelente!

[Sobre "Geração abandonada"]

por Fabio Danesi
14/11/2003 às
17h31 200.174.41.45
(+) Fabio Danesi no Digestivo...
 
Mais um bom livro
Adoro todos os livros dele, são especiais e sempre tem algo mais a ensinar, já li Auto-Engano, Nada é Tudo e agora estou lendo Felicidade, ele além de um excelente economista também escreve muito bem.Adoro sua maneira de escrever sempre colocando pensamentos e grandes nomes da literatura e da história mundial. Eduardo Giannetti PARABÉNS!

[Sobre "Felicidade: reflexões de Eduardo Giannetti"]

por Alessandra Cristina
14/11/2003 às
08h59 200.155.41.47
(+) Alessandra Cristina no Digestivo...
 
Perfeito
Sou responsável pelo maior fã club da américa latina do cantor e posso garantir que seu texto foi brilhante. No dia em que as pessoas e a imprensa pararem de olhar o Michael como um megastar louco e maníaco, talvez essas mesmas pessoas que o julgam possam o entender e ver que ele é apenas um ser humano normal, que infelizmente não pode viver como todos nós. Ele não pode ir na esquina sem que dezenas de pessoas o persigam, talvez se vocês estivessem nessa mesma situação vocês entenderiam as atitudes excentricas e até mesmo bizarras que ele tem. Acima de tudo, antes dele ser um artista, um cantor ou um dançarino, ele é um homem que precisa do mínimo que uma pessoa precisa para viver: Amor! Mas amor verdadeiro, porque ele só encontra isso nas crianças, pois os adultos só querem se aproximar por puro interesse. Adorei o texto, vocês estão de parabens.

[Sobre "Quem somos nós para julgar Michael Jackson?"]

por Roberta Dias
13/11/2003 às
17h01 200.204.124.171
(+) Roberta Dias no Digestivo...
 
parabéns
Conheci este site sem querer, há pouco tempo, através do livro do Daniel Piza. Recém finalizei uma monografia sobre jornalismo cultural (sou formanda em jornalismo) na PUCRS em Porto Alegre. Este é definitivamente o melhor veículo do ramo que eu vi nestes últimos tempos. Parabéns. E até mais. Livia

[Sobre "Digestivo nº 149"]

por Livia
14/11/2003 às
10h14 200.176.196.102
(+) Livia no Digestivo...
 
Os anos de Anos Incríveis
Gostaria de fazer uma observação. O autor não se referiu a uma questão, que considero essencial do seriado: os anos de Anos Incríveis. Juliano Maesano refere-se aos anos incríveis, como sendo os anos do personagem Kevin Arnold, sua passagem da infância para a adolescência. Isto é verdade. Mas atentemos para o fato de que as estórias se passam entre os anos de 1968 e 1974, um período de revolução cultural (mudança e questionamento de valores, conceitos e costumes)no chamado mundo ocidental, vivido mais intensamente nos Estados Unidos (o centro do mundo) e de lá irradiado para outras partes do planeta. Então, os anos incríveis são os anos de Kevin Arnold, mas também são os anos daquele período de transição de uma sociedade americana conservadora para uma sociedade mais aberta, com o lema da Paz e Amor e o não à guerra. Um período de distenção do conservadorismo da sociedade americana herdado do protestantismo dos tempos de colônia. Um período de contestações (também da Guerra Fria), do movimento hippie, de descobrimento de sonhos e de grande vontade de realizá-los. "Espero o amanhã que cante ...", na música Soy Loco por ti América, inspirada em Che Guevara.

[Sobre "Anos Incríveis"]

por George Maranhão
9/11/2003 às
15h31 200.169.33.98
(+) George Maranhão no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Criança - Adolescência - Menor - Primeiros Passos
Varios Autores
Círculo do Livro
(1996)



Processo Civil Volume Unico
Rinaldo Mouzalas
Juspodivm
(2013)



Literatura: Guerra Civil de 1893
Vários Autores
Da Universidade Rs
(1993)



Centelhas da Vida
Eurícledes Formiga
Ide
(1984)



O Herói e o Fora-da-lei: Como Construir Marcas Extraodinárias ...
Margaret Mark & Carol S. Pearson
Cultrixmeio&mensagem
(2016)



Economia Solidaria da Cultura e Cidadania Cultural
Neusa Serra e Hamilton Faria
Ufabc
(2016)



O Pacto de Infidelidade
Carrie Karasyov
Essência
(2008)



Sinais de Perigo no Casamento - Intimidade
Nataniel Sabino
Danprewan
(2011)



Qual É a Cor do Amor
Patrícia Senna e Emerson Pontes
Prazer de Ler
(2011)



Las Dimensiones de La Presencia Espanola En Brasil
Jose Manuel Azcona Pastor
Universitas
(2010)





busca | avançada
67999 visitas/dia
2,2 milhões/mês