Nomes... | Emilio (de) Moura

busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> As Águas do Futuro
>>> Iecine abre inscrições para a Oficina de Roteiro
>>> Férias de Julho: Museu Catavento e Teatro Sérgio Cardoso recebem a Cia. BuZum!
>>> Neos firma parceria com Unicamp e oferece bolsas de estudo na área de inteligência artificial
>>> EcoPonte apresenta exposição Conexões a partir de 16 de julho em Niterói
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> PANFLETO AMAZÔNICO
>>> Coruja de papel
>>> Sou feliz, sou Samuel
>>> Andarilhos
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A Ditadura e seus personagens (I)
>>> Manual prático do ódio
>>> Sugerido para adultos?
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> O que em mim sente está lembrando
>>> Divisões históricas
>>> Comentaristas de Seriados
>>> Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos
>>> Entrevista com Chico Pinheiro
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
Mais Recentes
>>> O Diário da Princesa de Meg Cabot pela Galera Record (2002)
>>> O Poder dos Chakras de Autores Diversos pela Martin Claret (1995)
>>> O Marketing do Amor de Patrick Pin pela Novo Século (2004)
>>> Capital de Risco e Diplomacia Corporativa de Marcos Rechtman e Fernando Bulhões pela Cultrix (2004)
>>> Poesias de Fernando Pessoa pela L&pm Pocket (2013)
>>> O Alquimista de Paulo Coelho pela Rocco
>>> A Cidade Vazia de Fernando Sabino pela Record (1984)
>>> Sociedade dos Meninos Gênios de Lev Ac Rosen pela Novo Conceito (2014)
>>> Enciclopédia da Sexualidade de Domingo Alzugaray pela Três (1998)
>>> Celebrando a Jornada do Herói de Adélia Hill de Souza pela Riemma (2012)
>>> É Tudo tão Simples de Danuza Leão pela Harper Collins Br (2011)
>>> Gestão e Planejamento de Marketing de Vários Autores pela Fgv (2013)
>>> Os Socialismos Utópicos de Jean-christian Petitfils pela Círculo do Livro (1997)
>>> Tim Cook o Gênio Que Mudou o Futuro da Apple de Leander Kahney pela Intrinseca (2019)
>>> Pescador de Almas de Valter Turini pela Clarim (2006)
>>> The Good Dream -modern Reades Stage 2 de Eduardo Amos pela Moderna (1996)
>>> Sem Regras para Amar (espirito Schellida) de Eliana Machado Coelho pela Lumen (2003)
>>> As Chaves do Inconsciente de Renate Jost de Moraes pela Vozes (2003)
>>> Guia Prático - Calculadoras Hp 48 Hp 48 G/g+/gx de Glauco Pontes Filho pela Bidim (2000)
>>> As Três Irmãs de Tchekhov pela Abril
>>> Zen de Dr. Sheng Yen pela Sangirard
>>> Doze de Nick Mcdonell pela Geração Editorial (2004)
>>> Obras Completas de Machado de Assis, 29 - Crítica Literária de Machado de Assis pela N/d
>>> Nem Loiras Nem Lindas de Rosangela Moreira pela Giostri (2011)
>>> Clube da Tiara Em Mansões de Rubi - Princesa Charlote e o Baile de Ani de Vivian French pela Novo Seculo (2011)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 30/3/2005
Comentários
Leitores


Nomes...
Julio, na identidade sou "Emilio de Moura". Ninguém nunca pronunciou nem escreveu o "de". Cansei de explicar e abreviei meu já curto nome para "Emilio Moura". Sem acento. Homônimo de poeta famoso. Estou feliz. Até a numerologia me confortou pela falta do "de". Abraço dos Ara-chás. P.S. Li hoje o nome da Ministra do Meio Ambiente: Maria Osmarina Marina da Silva Vaz de Lima, ou, Marina Silva.

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por Emilio (de) Moura
30/3/2005 às
22h55 201.19.138.39
(+) Emilio (de) Moura no Digestivo...
 
Afasta de mim esse cálice
Vou destilar o meu veneno! Eu aumento, mas não invento! Me-ni-no, você não sabe o que eu vi na Ilha de Caras! Será que o Jean ganha o BBB5? Aquele Louro José é mesmo engraçado, não? Vamos rir! Pára, pára, depois dos intervalos comerciais, a namorada que ligou para a produção vai pegar o namorado com outra, que na verdade é uma atriz contratada para seduzi-lo! Aqui tem café no bule! Separa essas duas que estão se engalfinhando ao vivo por causa do resultado do DNA! Direto da Casa de Custódia os presos rebelados agitam lençóis e Simony, ao vivo, gesticula para nosso helicóptero! Julio, sou seu fã, mas afasta de mim esse cálice.

[Sobre "Digestivo nº 220"]

por Marcelo Zanzotti
30/3/2005 às
11h18 200.206.72.162
(+) Marcelo Zanzotti no Digestivo...
 
Formacao ou Informacao?
A saturacao que voce descreveu, pessoas saturadas de informacao sem consistencia e afligidas por falta de inspiracao, e' bem parecido com os problemas que se enfrentam nas areas de pesquisa de engenharia, onde qualquer ideiazinha ja deu origem a 100 publicacoes... Ate' hoje nao sabem como combater isso. Eu tambem acho que talvez o que falte no Brasil e' um espectro de escritores. Pessoas que nao escrevam ja' para serem "o proximo Drummond", "filho de Chaucer" ou coisas assim. As grandes obras nem sempre se basearam na criacao de um estilo ou escola. Talvez, quando publicarmos bons livros de entretenimento, com os Grishams e Cooks nacionais, aparecam tambem os grandes escritores... E ah, um fator que voce nao tocou, mas que me afetou muito quando estava na escola, foi a falta de uma boa biblioteca. E olha que eu era membro de tres (incluindo a da escola). Bibliotecas agradaveis e bem estocadas sao o melhor convite para descobrir novos autores e livros, e se educar.

[Sobre "Autores novos"]

por Ram
30/3/2005 à
00h50 67.161.2.145
(+) Ram no Digestivo...
 
Onde vai a Gisele Bündchen
Texto otimo! Quanto 'a sua pergunta se a criatividade e' inesgotavel, e o que acontecera quando esgotar, a resposta se encontra no que as casas de moda em Nova Iorque andam fazendo: trazendo de volta a moda retro... Ou seja, daqui a um tempo, talvez a moda va' ser corpetes apertados, anaguas, etc, etc. Mas certas coisas da moda, como os lindos desfiles de biquini com a Gisele continuam valendo a pena.

[Sobre "Moda e modismos prêt-à-porter"]

por Ram
30/3/2005 à
00h24 67.161.2.145
(+) Ram no Digestivo...
 
leitura de crime e castigo
Simone, obrigado pela leitura e pelos comentários sobre sua própria experiência de leitura. realmente, alguns livros valem mais do que a companhia de nossos humanos irmãos. abraço, jardel

[Sobre "O crime e o castigo de um clássico"]

por jardel
29/3/2005 às
17h09 200.218.227.54
(+) jardel no Digestivo...
 
Trocando o chope por livro
Crime e Castigo é um dos livros mais marcantes que li. A primeira leitura eu fiz ha' uns 10 anos, ainda na adolescência, e a segunda (e, por enquanto, última) eu fiz mês passado. Nesses dez anos - como é natural - muito de mim foi mudando, e isso refletiu, sobremaneira, no entendimento do livro. Não há como negar que o prazer da releitura foi ainda maior que o da leitura. E diversos convites pra tomar um chope foram prazerosamente trocados pela "solidão" dessa releitura. Diferentemente de você, porém, meus amigos não compreendiam muito bem como eu poderia preferir estar sozinha sábado à noite em casa, lendo um livro tão "grosso" a estar bebericando em algum barzinho barulhento. Mal sabiam eles que eu estava acompanhada de Raskolnikov (que, com Julien Sorel, são os meus personagens prediletos da literatura) e um profundo labirinto psicológico.

[Sobre "O crime e o castigo de um clássico"]

por Simone
29/3/2005 às
15h38 200.223.158.4
(+) Simone no Digestivo...
 
Mera sugestão...
Excelente texto Eduardo. Apesar de não ser tão "viajada" como você, adorei! Gostaria muito de ler algo mais aprofundado por você sobre o "puxa-saquismo de estrangeiros, que existe no Brasil em sua forma mais explícita". É um tema que me incomoda muito e pouco comentado.

[Sobre "A prática e a fotografia"]

por Kate Kloster
29/3/2005 à
01h30 200.232.136.221
(+) Kate Kloster no Digestivo...
 
meu verdadeiro mundo
sei exatamente sobre o que voce fala. Vivi, li e viajei muito & sempre achava que tinha vindo ao mundo pra conhece-lo. Mas hoje, beirando aos 40, viajada, amante da boa musica & de vinho, so' penso em ficar em casa, mesmo que "essa casa" nao seja mais meu habitat natural. Vez por outra me aventuro, mas levo coisas pra nao faltar & esqueço outras pra voltar. Lei do bom-senso. Mas, meu verdadeiro mundo levo pra todo canto onde vou. Assim me sinto segura.

[Sobre "O quintal de casa"]

por themis almeida
28/3/2005 às
17h17 213.119.135.99
(+) themis almeida no Digestivo...
 
Limana
Ao começar um trabalho monográfico sobre Lima Barreto pude observar como sua obra é importante e ficar feliz por saber que seus admiradores podem contar com essa fantástica e tão organizada biografia.

[Sobre "Da Biografia de Lima Barreto"]

por Gisele Chaves
28/3/2005 às
13h21 200.149.244.147
(+) Gisele Chaves no Digestivo...
 
Ícones e mais o quê?
Olá, Julio! Concordo com o aspecto de que há¡ uma decadência de alguns í­cones da MPB dos anos 60. Ok, Gil parece perdido enquanto ministro e Caetano, separado ou não, há pelo menos oito anos não tem um lançamento musical de respeito. Mas eu discordo em relação ao Chico Buarque. Acredito que ele foi um dos poucos que se manteve intacto e criando bem. Se o Ao Vivo não empolga, Paratodos é quase perfeito e As Cidades (nem tão perfeito assim) tem momentos de cara poesia musical. Revistas de fofocas? Paparazzi? Pouco importam... Adultério? Ora, há tantos casos, de maior ou menor importância, de acordo com as conseqüências. Eu não me importo se o Chico está com a esposa de um outro cara (isto é coisa para talvez a minha mãe se importar, ela que assiste aos programas de fofocas), contanto que ele reapareça com um ótimo CD daqui a um tempo. Não me lembro de ele ter se tornado um monge ou coisa parecida. Julio, respeito e admiro a sua pessoa e o que tem construído com o Digestivo Cultural. Tem sido uma ferramenta importante para mim. Até por isso, tomei a liberdade de tornar pública minha discordância. Quanto a Tom Jobim, ele era (para mim, sempre será) fantástico mesmo!!! Vou, com certeza, adquirir o CD deste show. E vamos de células-tronco!!! Um abração!!!

[Sobre "Digestivo nº 220"]

por Alessandro de Paula
30/3/2005 às
12h23 200.204.153.101
(+) Alessandro de Paula no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




X-Men Nº 110
Marvel
Abril Jovem
(1997)



Micro e Macro Economia um Enfoque Crítico
Fabio Gomes da Silva
Vozes
(1983)



Folclore Col para Entender Vol. 3 (1991)
Maria de Cassia Nascimento Frade
Global
(1991)



A Cidade e a Cidade
China Mieville
Boitempo
(2014)



Tecnologia de Alimentos - 2ª Edição
José Evangelista
Atheneu
(1989)



Blueprint Two - Workbook
Brian Abbs; Ingrid Freebairn
Longman do Brasil
(1995)



O Apito do Trem
Cesar Arruda Castanho
Clube do Livro
(1976)



A Morte do Gourmet
Muriel Barbery
Companhia das Letras
(2009)



A Guerra das Estrelas (1964-1984)
Carlos Chagas
L&pm
(1985)



Literatura Comentada: José Louzeiro
José Louzeiro
Abril
(1982)





busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês