Somente mais uma variável | Carlos Benites

busca | avançada
62861 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Airto Moreira e Flora Purim se despedem dos palcos em duas apresentações no Sesc Belenzinho
>>> Jurema Pessanha apresenta sambas clássicos e contemporâneos no teatro do Sesc Belenzinho
>>> Como se prevenir dos golpes dos falsos agentes no mundo da música?
>>> Cia. Sansacroma estreia “Vala: Corpos Negros e Sobrevidas“ no Sesc Belenzinho
>>> ARNS | De ESPERANÇA em ESPERANÇA || MAS/SP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> O melhor da Deutsche Grammophon em 2021
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
Últimos Posts
>>> Brega Night Dance Club e o afrofuturismo amazônico
>>> Fazer o que?
>>> Olhar para longe
>>> Talvez assim
>>> Subversão da alma
>>> Bons e Maus
>>> Sempre há uma próxima vez
>>> Iguais sempre
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O enigma de Lindonéia
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Eleições na quinta série
>>> O que aconteceu com a Folha de S. Paulo?
>>> O regresso, a última viagem de Rimbaud
>>> Eleições 2014: intrigas, infâmias, alucinações
>>> Toda poesia de Paulo Leminski
>>> Les visiteurs
>>> A morte do leitor
>>> O historiador das idéias
Mais Recentes
>>> HQ V de Vingança de Alan Moore e David Lloyd pela Panini Comics (2007)
>>> HQ Pecador Originais 001 - Os Segredos do Universo Marvel! de Marvel comics pela Panini Comics (2015)
>>> HQ Authority Vol. 1 de Warren Ellis; Hitch; Neary pela Panini Comics (2015)
>>> HQ Superman Condenado V.1 Apocalypse: O Retorno de DC Comics pela Panini Comics (2015)
>>> HQ Antes de Watchmen Nº 7 Dollar Bill & Moloch de J. Michael Straczynski pela Panini Comics (2013)
>>> HQ Antes de Watchmen Nº 6 Ozymandias de Len Wein - Jae Lee pela Panini Comics (2013)
>>> HQ Antes de Watchmen Nº 4 DR. Manhattan de J. Michael Straczynski pela Panini Comics (2013)
>>> HQ Antes de Watchmen Nº 1 Coruja de J. Michael Straczynski pela Panini Comics (2013)
>>> HQ - Crise Infinita Batalha pelo Multiverso vol.1 de Dan Abnett pela Panini Comics (2015)
>>> HQ - Crise Infinita Batalha pelo Multiverso vol.2 de Dan Abnett pela Panini Comics (2016)
>>> Hq - Batman Preto & Branco - Especial nº4 de DC Comics pela Panini Comics (2014)
>>> 100 Balas Vol.08 - Samurai de Brian Azzarello - Eduardo Risso pela Panini Comics (2012)
>>> O Jarro Amarelo de Prof Carlos Rosa pela Abnc (2008)
>>> Macanudo Nº 1 de Liniers pela Zarabatana Books (2008)
>>> Friends to the End - The True Value of Friendship de Bradley Trevor Greive pela Andrews Mc Meel (2004)
>>> Dragonero 11 - A Rainha dos Algentes de Luca Enoch pela Mythos (2021)
>>> Usagi Yojimbo - Daisho de Stan Sakai pela Devir (2008)
>>> Usagi Yojimbo - O Limiar da Vida e da Morte de Stan Sakai pela Devir (2012)
>>> Daily Reflections de Jim Rohn pela Brolga (2004)
>>> Usagi Yojimbo - Sombras da Morte de Stan Sakai pela Devir (2007)
>>> Adolf - Volume 1 de Osamu Tezuka pela Conrad (2006)
>>> Adolf - Volume 2 de Osamu Tezuka pela Conrad (2006)
>>> Mangá Ajin Demi-Human 14 de Gamon Sakurai pela Panini Comics (2019)
>>> Mangá Ajin Demi-Human 13 de Gamon Sakurai pela Panini Comics (2019)
>>> Mangá Ajin Demi-Human 12 de Gamon Sakurai pela Panini Comics (2018)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 30/10/2006
Comentários
Leitores


Somente mais uma variável
Não vou me juntar inadvertidamente ao coro dos ultrademocráticos avessos ao voto obrigatório, porque pouca diferença tem no resultado político. Explico: o fato de não ser obrigatório votar somente muda o foco de como as decisões são tomadas em termos de investimentos tanto durante o governo quanto durante a campanha política. Acredito que não preciso aqui elocubrar a ponto de construir cenários de como se dariam tais investimentos... Uma das maiores evidências de que o jogo tomaria essa vertente é que as pesquisas eleitorais, pelo menos aquelas em que se baseiam as coordenações de campanha para elaborar suas estratégias, não focam somente as projeções de votos, mas de quem vêm essas projeções, incluindo fatores geográficos, renda familiar, entre outros. Então, uma mudança na obrigatoriedade do voto traria como consequência mudanças de prioridade de investimento não somente em direção à parcela mais manipulável ou formadora de opinião, como hoje, mas daquela disposta a votar.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Carlos Benites
30/10/2006 às
09h30 200.169.33.95
(+) Carlos Benites no Digestivo...
 
por que não eu, cara?!
Eu já imaginava as dificuldades existentes para a publicação do primeiro livro. Estamos no Brasil, país que tem pouca afinidade com a leitura. Entretanto, flertando com a sandice, que torna um autor desconhecido, como eu, um Cavaleiro da Triste Figura, lembrei-me de uma frase de Monteiro Lobato, não conseguirei repeti-la com exatidão, que diz que todas as coisas, antes de tornarem-se reais foram loucura ou sonho. Considerando isto depois que li Henry Miller eu me perguntei “por que não eu, cara?!”. Se os editores não se interessarem pelo livro (o que não quer dizer que o livro seja ruim), ainda nos resta a satisfação de ter escrito, ah!ah!ah! Escrever é um prazer, que o digam Joyce, Proust e Céline, é um meio de registrar a minha experiência, o-mundo-como-eu-o-vejo (“minha concepção-do-mundo”, como escreveu Guimarães Rosa na introdução ao Sagarana), e assim criar literatura e um estilo!

[Sobre "Os desafios de publicar o primeiro livro"]

por Adriano Cubas
29/10/2006 às
22h28 201.43.237.31
(+) Adriano Cubas no Digestivo...
 
Congratulo o articulista
Que bom que comecei a receber novamente o Digestivo. Concordo plenamente com o voto obrigatório. É sabido que o brasileiro gosta de dar as suas escapadas, haja vista o "ponto facultativo nas repartições públicas". Ninguém vai trabalhar!!! O pleno exercício da cidadania passa pela nossa obrigação e pelo nosso direito. Congratulo o articulista.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Maura Soares
29/10/2006 às
21h53 201.35.223.155
(+) Maura Soares no Digestivo...
 
Voto deve ser não-obrigatório
Não posso de forma alguma concordar com as opiniões expostas nesse artigo. Primeiro, é a transformação do direito num dever, algo anti-democrático. Segundo pela própria argumentação presente no artigo. O caráter de obrigatoriedade do voto é herança do período não democrático. Não é uma conquista da luta democrática, mas um entulho da ditadura. A argumentação de que ainda existe o voto de cabresto no Brasil, devido a falta de capacidade de parte da população, é algo que precisa ser desmentido, não passa de crendice. Do mesmo tipo usado para impedir o voto dos analfabetos, para defender o dirigismo da cultura, com caráter doutrinador, e o “nivelamento por baixo” presente em nossa sociedade. Existe uma subestimação da capacidade de nosso povo, que se revela como um preconceito. Contudo, a realidade mostra que é a nossa classe média que mostra falta de esclarecimento, dando sustentação ao golpe de 64 e, agora, votando em corruptos. Precisamos superar essas velhas crendices e evoluir.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Paulo Sergio Vieira
29/10/2006 às
17h59 201.79.96.164
(+) Paulo Sergio Vieira no Digestivo...
 
A eleição é dissimulada
Eu sou totalmente contra. A eleição em si é dissimulada. "Seja cidadão: vote." Realmente ridículo. O direito em si não deveria ser dever. Somos livres para escolher. Devemos ter direito de não querer ter alguns "direitos".

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Marina Amorim
29/10/2006 às
14h31 200.139.115.10
(+) Marina Amorim no Digestivo...
 
me emocionei
Já faz mais de 1 ano que o texto foi publicado e somente hoje, em busca pela internet, tomei conhecimento dele. Iniciei na pintura aos 16 anos. Hoje com 61, tenho orgulho de nunca ter tido outra atividade profissional a não ser a pintura e a escultura. O que me deixa perplexo, é o fato de conhecidos marchands afirmarem que a pintura, em si, tendo como suporte a tela, já não mais existe. O que fazer com os pintores que passaram anos e anos desenvolvendo técnicas e temáticas? Meus trabalhos apesar de terem uma conotação figurativa, têm como único objetivo fazer com que o espectador relembre momentos! A maior parte das cenas parece real, mas são quase todas criadas no imaginario. Fiquei emocionado com o texto, por ter lido exatamente num momento de crise artistica, provocado pela anti-arte imposta hoje. Desejo que nos próximos, seja tão feliz quanto neste! Fernando Leitão

[Sobre "Saudades da pintura"]

por Fernando Leitão
http://www.fernandoleitao.com.br
27/10/2006 às
18h52 201.6.238.249
(+) Fernando Leitão no Digestivo...
 
Loucura não há, mas...
Concordo plenamente com o Ronaldo. Loucura não há. Quer dizer, há, em alguns casos. Não na maioria. Mas existe algo que se confunde com a loucura, isso não podemos negar. A tão falada introspecção do artista, sua solidão - caindo naquele clichê de "mesmo quando em uma multidão" -, entre outras coisas. Me peguei várias vezes pensando no seguinte: pode um escritor ser feliz e escrever? É que a maioria das biografias de autores tem sempre alguma coisa do tipo: alcoolismo, homossexualismo, falta de dinheiro, doenças, enfim, a maioria dos grandes escritores sofreram muito. E alguns terminaram como loucos, por causa dos sofrimentos em vida. Mas aí a loucura veio depois da arte. E eu perdi o fio da meada do comentário... Mas, enfim, artistas não são pirados. A não ser no sentido de que eles são doidinhos de pedra, por acharem que vão conseguir viver de arte. Ao menos aqui, no Brasil, isso é loucura. Infelizmente.

[Sobre "Artistas não são pirados"]

por Rafael Rodrigues
http://3vozes.blogspot.com
27/10/2006 às
17h07 201.32.232.75
(+) Rafael Rodrigues no Digestivo...
 
Assassinos da arte?
Quando se aplica à literatura um tratamento igual a uma receita culinária - "Como Fazer Isso Assim e Assado"; "Como Escrever Um Romance, Um Conto, Um Ensaio"; "Dez Passos (ou menos) Para se Tornar um Escritor Profissional" - a coisa vai mal. Esses seminários todos, esses eventos, essas oficinas, são todos assassinos da literatura, obedecendo ao fenômeno estranho e paradoxal que se observa em diversas áreas artísticas: os próprios envolvidos tramam, meio inconscientes, o extermínio da arte que abraçam. Assim é que uma miríade de "artistas plásticos", surgida do nada, praticamente matou a pintura. Idem com a música. Não se trata apenas da generalização da mediocridade, antes fosse só isso. É um movimento que pretende dissecar, "desconstruir", analisar (sempre superficialmente) o que pode ser identificado como fundamento de cada arte, produzindo fórmulas pré-moldadas e de efeito duvidoso para imediata execução. Esses livros produzidos em "oficinas" são todos iguais. Como seus autores.

[Sobre "Circuito Editorial Literário"]

por Guga Schultze
http://gugasic.blogspot.com
27/10/2006 às
16h52 201.80.36.155
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
A favor do voto facultativo
Você acha realmente que se o voto não fosse obrigatório o Clodovil e o Enéas teriam sido eleitos? É para acabar com esse tipo de distorções que serve o voto facultativo. Seu argumento de que a classe média "engajada" deixaria de votar beira o absurdo, já que os currais eleitorais deixariam de decidir eleições pois agora o "coronel" não tem mais pretexto para levar a peãozada pra votar. O número de votos "conscientes" seria infinitamente maior e só assim veríamos que tipo de governante o povo brasileiro realmente merece. Simples assim.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por David Donato
http://digerir.blogspot.com
27/10/2006 às
11h10 200.196.241.1
(+) David Donato no Digestivo...
 
o que vai achar do 2º turno?
Daniel, adorei o texto. Estou aguardando outro sobre o que vc achou do 2º turno e do resultado final.

[Sobre "Nebulosidade"]

por Monica R. Z. F Lima
27/10/2006 às
09h15 200.144.39.145
(+) Monica R. Z. F Lima no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A elegia erótica romana - O amor, a poesia e o ocidente
Paul Veyne
Brasiliense
(1985)



Manifesto do Partido Comunista
Marx & Engels
Martin Claret
(2004)



Um Amor Conquistado
Danielle Steel
Record
(1984)



O Ministério Público e a Sociedade Civil Organizada na Gestão Democrática
Daniela Campos de Abreu Serra
D´Plácido
(2019)
+ frete grátis



Estado e Poder Político - da Afirmação da Hegemonia Burguesa
Walmir Barbosa
Ucg
(2004)



O Homem Milagre do Japão
Roy Eugene Davis
Seicho no Ie
(2016)



Maria de Nazaré - Subsídios Pastorais para a Comunidade Cristã
José Maria Vigil
Paulinas
(1978)



Leon Trotski - A paixão segundo a revolução
Paulo Leminski
Brasiliense
(1986)



Casais Inteligentes Enriquecem Juntos
Gustavo Cerbasi
Gente
(2004)



America Praterita Eventa
Helmut Andrä - Edgard de Cerqueira Falcão
Mcmlxvi
(1966)





busca | avançada
62861 visitas/dia
1,9 milhão/mês