Ser diferente é tão igual... | Albarus Andreos

busca | avançada
70683 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Documentário 'O Sal da Lagoa' estreia no Prime Box Brazil
>>> Mundo Suassuna viaja pelo sertão encantado do grande escritor brasileiro
>>> PEGADAS DA GÁVEA VAI MOVIMENTAR O BAIRRO DE 26 A 28 DE ABRIL
>>> Ole! Feira Flamenca completa 15 anos com programação especial em SP
>>> Desenhos de Bruno de Abreu sugerem memórias sem linearidade narrativa
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
Colunistas
Últimos Posts
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
>>> Uma nova forma de Macarthismo?
>>> Metallica homenageando Elton John
>>> Fernando Schüler sobre a liberdade de expressão
>>> Confissões de uma jovem leitora
>>> Ray Kurzweil sobre a singularidade (2024)
>>> O robô da Figure e da OpenAI
Últimos Posts
>>> Salve Jorge
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
>>> Sem noção
>>> Ícaro e Satã
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O conto como labirinto em Milton Hatoum
>>> Somos diferentes. E daí?
>>> Free: o futuro dos preços é ser grátis
>>> Bonecas Russas especial
>>> Os Melhores Trailers do Cinema
>>> Tempo vida poesia 1/5
>>> Fractais Sertanejos
>>> O Conselheiro também come (e bebe)
>>> Diploma ou não diploma... não é esta a questão
>>> Minha casa, sua casa
Mais Recentes
>>> Meditando de Roque Jacintho pela Luz no Lar (1991)
>>> Histórias a Brasileira 1 - A Moura Torta e Outras de Ana Maria Machado - Odilon Moraes pela Companhia das Letrinhas (2007)
>>> Heresia de S. J. Parris pela Arqueiro (2011)
>>> Teoria e prática do teste de Rorschach de Isabel Adrados pela Vozes (1973)
>>> Como as Democracias Morrem de Steven Levitsky e Daniel Ziblatt pela Zahar (2021)
>>> O Mistério do Coelho Pensante e Outros Contos de Clarice Lispector pela Rocco (2010)
>>> Deus É Amor / Dois Momentos Com Jesus de Roque Jacintho pela Luz no Lar (1991)
>>> Pai E Filho de Tony Parsons pela Sextante (2002)
>>> Quem Soltou o Pum? de Blandina Franco e José Carlos Lollo pela Companhia das Letrinhas (2010)
>>> A Última Estação de Jay Parini pela Record (2009)
>>> A Ultima Estaçao de Jay Parini pela Rocco (1991)
>>> Almanaque Anos 80 de Luiz André Alzer e Mariana Claudino pela Ediouro (2004)
>>> Teologia Sistemática III de Ciro Sanches Zibordi pela Cetadeb (2012)
>>> A Ultima Estaçao de Jay Parini pela Rocco (1991)
>>> Obrigações de Orlando Gomes pela Forense (2008)
>>> Afluentes Do Rio Silencioso de John Wray pela Companhia Das Letras (2010)
>>> Coleção 5 Livros Adestramento Inteligente + Almanaque dos Cães + Tudo Sobre Truques e Adestramento de Cães de Alexandre Rossi; Gerilyn J. Bielakiewicz; David Brunner pela Saraiva; Gente; Escala
>>> A Travessia De Benjamin de Jay Parini pela Record (1999)
>>> O Lobo de Graziela Bozano Hetzel pela Manati (2009)
>>> Livro o Pequeno Principe de Saint-exupéry De pela Otima (2022)
>>> A Terra dos Meninos Pelados 471 de Graciliano Ramos pela Galera Júnior (2017)
>>> Anjo Da Guarda de Sara Paretsky pela Rocco (1995)
>>> Os Olhos Amarelos Dos Crocodilos de Katherine Pancol pela Suma De Letras (2012)
>>> Whisky - The Definitive World Guide de Michael Jackson pela Dorling Kindersley (2005)
>>> Esse Estranho Amor Dos Paulistanos 471 de Eduardo Yázigi pela Global (2006)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 21/5/2007
Comentários
Leitores

Ser diferente é tão igual...
Acredito que o posicionamento do Carl está mais adequado com a realidade. Ele é aqui o Outsider (quando deveria ser o oposto) e a partir do momento que me junto a ele, se torna menos diferente. Bom exemplo, acho. Existem muitos grupos por aí, as patricinhas, os punks, os rappers, os agroboys. Talvez o autor se tenha apegado demais ao próprio universo, que reconheço real e largo. Odeio boy, mas confesso que já tentei ser um; odeio maluco, mas sempre me senti em paz com eles; odeio quem odeia, mas um pouco de preconceito às vezes ajuda, pois é a muleta em que nos apegamos para manter a sanidade. Tudo muda com o amadurecimento, e os diferentes nos parecem tão iguais quanto todo mundo. Individualidade não é bom, também. Safado e corrupto é o exemplo mais plausível que existe dessa prática. Ser igual à força também é péssimo e então sigo o raciocínio da maioria, até aqui. Mas tudo isso vem da criação, da educação. Pais presentes na educação dos filhos são uma ajuda incomensurável nessa hora...

[Sobre "Outsider: quem não se enquadra"]

por Albarus Andreos
http://www.albarusandreos.blogspot.com
21/5/2007 às
10h36 200.218.186.190
(+) Albarus Andreos no Digestivo...
 
Falo besteira?
A verdade é que não há novas idéias, novos ideais, tudo já foi escrito, o processo de reivenção exige demasiado tempo, coisa que não temos atualmente... Além disso, os novos autores não apresentam uma crítica social, seus textos tornam-se prolixos. Quando há críticas, essas não passam das fronteiras dos seus "blogs", sendo esses autores taxados como demagogos ou um imbecil que critica sem a "praxis". Pois, hoje em dia, vemos e revemos a corrupção numa sociedade sem objetivos, na qual os cidadãos permanecem e não se reividicam. Falo besteira? Então basta ler os clássicos, como Machado de Assis e Clarice Lispector, eles não escreviam por escrever, sempre havia uma crítica a sociedade, fugiam de clichês, criticavam de maneira artística, ao mesmo tempo em que contribuiram para o engrossamento de nossa cultura literária. Obrigado.

[Sobre "Publicar em papel? Pra quê?"]

por Henrique
21/5/2007 às
08h33 201.28.40.220
(+) Henrique no Digestivo...
 
Papel higiênico?! Oras...
Aí, acho que isso aqui já deu o que tinha que dar. Se, no começo, achei a discussão legal, agora já está virando flame war. Acontece que todo mundo que tem vontade de publicar um livro (sou um deles), está, de repente, se identificando com a possibilidade de ser um dos tais autores ruins. Estão se esquecendo de tudo que passaram até aqui, a dificuldade criativa, a persistência ante vários e incontáveis fatores que os levaram a escrever e por aí afora... Estão perdendo o senso crítico que seria tão importante ter para julgar que seus escritos são ou não bons. De que vale, depois de tanto tempo, ter planejado executado e lançado o livro, se agora se deixam levar pelas palavras desse bicho preto sentado no seu ombro? Enxotem este corvo fora! O Julio está com dó do leitor, como se estivéssemos dando a ele veneno de rato. Acho é que ele está é dando boas risadas de como todo mundo está se deixando levar pelo Édipo dentro de suas almas. Discussão tem limite. Se você se convenceu boa. Senão...

[Sobre "Publicar em papel? Pra quê?"]

por Albarus Andreos
http://www.albarusandreos.blogspot.com
20/5/2007 às
14h50 200.171.253.244
(+) Albarus Andreos no Digestivo...
 
livro ruim não eterniza nada
O desejo de deixar algum registro de nossa efêmera existência na Terra, de ver nosso nome numa capa de livro numa livraria, enfim a vaidade parece nos mover rumo a uma decisão arriscada: a de publicar um livro. Ante as autorizadas e sensatas ponderações de Julio Daio, se nosso fito fosse o de levar nossas idéias (ou nossos pretensos pendores literários) ao grande público, as páginas da web seriam o meio mais prudente, econômico, direto e eficaz. Funcionariam, inclusive, como laboratório para aventuras mais ousadas. Além disso, livro ruim não eterniza nome algum e é ecologicamente incorreto. Se é pra gastar celulose com porcaria, que o destinemos aos banheiros. O papel,aqui, cumprirá melhor um de seus papéis.

[Sobre "Publicar em papel? Pra quê?"]

por Pedro Cordeiro
20/5/2007 às
12h41 201.79.170.136
(+) Pedro Cordeiro no Digestivo...
 
Texto impecável
Elisa: estava eu pronta para dizer que só uma mulher poderia descrever a sensibilidade do vôo, que não é do besouro, quando me lembrei de Nelson Rodrigues escrevendo com pseudônimo feminino. É a verve de quem empunha a pena, suponho. Parabéns! Cylene Gama

[Sobre "Meninas eu vi"]

por Cylene Gama
http://www.serrano.neves.nom.br
20/5/2007 às
10h11 200.207.138.232
(+) Cylene Gama no Digestivo...
 
Ser descoberto?
Dri, ser descoberto? Por Deus! Escritor que se preza não cai nessa lorota de Brasil colônia; já éramos Brasil muito antes dos portugueses, já somos o que somos muito antes de um zé chegar e nos imprintar uma marca. Tem muito escritor bicho grilo, passa dos 30 escrevendo e indo em sarau. Não sabe a importância de dar uma entrevista, teatralizar um texto, participar de uma ONG. Outros [esses sim], criam sites, trazem propostas mais interativas, contemporâneas. Ser descoberto? Olha! Acho que isso é um luxo de poucos. Basta que se aperte a mão do publisher, tome um cafezinho. Ou você acha que um bom material e um bom público é suficiente? Esses atributos, eu e muitos outros já temos. Mas não basta. À editora não vale apenas o que o mercado está ditando como padrão, mas o autor que, de alguma forma, consegue se infiltrar no quadro daquela empresa, marcar uma reunião, apresentar os prós e contras de seu projeto. E todas elas, meus amigos, não nos permitem fazê-lo. Querem por correio.

[Sobre "Publicar em papel? Pra quê?"]

por Marcel Dias Pitelli
http://www.marcelpitelli.com.br
19/5/2007 às
18h52 201.21.106.114
(+) Marcel Dias Pitelli no Digestivo...
 
Hoje, não!
É maravilhoso o direito de dizer: - Hoje nao... Para qualquer coisa...

[Sobre "Sou um de vocês"]

por Anie
19/5/2007 às
17h58 87.187.230.169
(+) Anie no Digestivo...
 
a verdadeira arte de escrever
Oi, Julio! Legal demais a discussão sobre escritores de papel X blogueiros. Também não esperava que rendesse tanto! Você conseguiu cutucar com vara curta muita gente. Também me surpreendeu. Não pensei que fosse dar tanto Ibope. Acho que essa discussão vai fazer muita gente pensar sobre a verdadeira arte de escrever, seja em blogs ou em livros. Quem tem talento, acaba sendo descoberto, de uma maneira ou de outra, e permanece. Outros que tentem novos ofícios! Beijo. Dri

[Sobre "Publicar em papel? Pra quê?"]

por Adriana
19/5/2007 às
16h27 200.222.153.54
(+) Adriana no Digestivo...
 
essa mulher maravilhosa
Achei ótima essa matéria, riquíssima em informações sobre a vida dessa mulher maravilhosa (D.Aracy). Que Deus a proteja sempre! Por tudo que ela fez e representa. Abraços carinhosos, Adriana-Ribeirão Preto/SP

[Sobre "Aracy Guimaraes Rosa"]

por Adriana
19/5/2007 às
16h10 201.26.76.63
(+) Adriana no Digestivo...
 
Saramago e a energia escura
Estou no meio desse livro. Não consegui ler de um fôlego só, como de costume. Mas, prometo que assim que terminar, emito a minha opinião. Saramago tem essa energia escura como o Guga disse, mas o seu talento é inquestionável, acho. Abraço. Adriana

[Sobre "Solteirice"]

por Adriana
19/5/2007 às
15h56 200.222.153.54
(+) Adriana no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Livro Infanto Juvenis Papai! Coleção Itaú
Philippe Corentin
Cosac & Naify
(2008)



O Teste do Ácido do Refresco Elétrico
Tom Wolfe
Rocco
(1993)



Origami for christmas
Chiyo araki
Kodansha
(1987)



Maligna - Para Os Que Amam Ou Odeiam O Mágico De Oz
Gregory Maguire
Ediouro
(2006)



O Cético
José Bento
Lachâtre
(2015)



O Projeto Genoma Humano
Mônica Teixeira
Publifolha
(2000)



Eugénie Grandet
Honoré De Balzac
Nova Alexandria
(2002)



The Best American Short Stories of the 80s
Shannon Ravenel (ed.)
‎ Houghton Mifflin
(1990)



Livro Filosofia Entre o Dogmatismo Arrogante e o Desespero Cético A negatividade como fundamento da visão de mundo liberal
Alberto Oliva
Instituto Liberal
(1993)



Profetas da modernidade
Leda MIranda Huhne
Uapê
(1995)





busca | avançada
70683 visitas/dia
2,0 milhão/mês