Deixemos o mundo ser o que for | Tiago Sgarbi

busca | avançada
81347 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Exposição virtual 'Linha de voo', de Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves
>>> MAB FAAP seleciona artista para exposição de 2022
>>> MIRADAS AGROECOLÓGICAS - COMIDA MANIFESTO
>>> Editora PAULUS apresenta 2ª ed. de 'Psicologia Profunda e Nova Ética', de Erich Neumann
>>> 1ª Mostra e Seminário A Arte da Coreografia de 17 a 20 de junho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O paulistano cordial
>>> É possível conquistar alguém pela escrita?
>>> Ensaio.Hamlet e a arte de se desconstruir quimeras
>>> John Fante: literatura como heroína e jazz
>>> Imprensa em 2002
>>> Oswald de Andrade e o homem cordial
>>> Computadores, iPads e colheres de pau
>>> Machado sem corte
>>> Leitura Para Todos (premiado)
>>> Improvável amor de São João
Mais Recentes
>>> O Chamado da Floresta de Jack London pela Atica (1995)
>>> Que Azar, Godofredo! de Alexandre Azevedo pela Atual (1989)
>>> Dingono, o Pigmeu de Rogério Andrade Barbosa pela Melhoramentos (1997)
>>> É Difícil de Entender, Vô! de Nelson Albissú pela Atual (1993)
>>> The World God Made de Alyce Bergey pela Arch (1965)
>>> The True Story of Romeo and Juliet Stage 4 de Eduardo Amos pela Moderna (1997)
>>> Alfabetto - Autobiografia Escolar de Betto pela Atica (2002)
>>> O Portão Vermelho Romance Duma Terra Distante de Lin Yutang pela Pongetti (1958)
>>> Hidroterapia e Outros Tratamentos Naturais de Antônio Natanael de Paiva pela Casa (2003)
>>> Aventura na Serra do Mar de Fernando José de Souza pela Casa Publicadora Brasileira (1905)
>>> 24 Estudos de Execução Fácil para Piano de Pozzoli pela Ricordi (2000)
>>> Hanon o Pianista Virtuoso de A Schott pela Ricordi (1984)
>>> Sete Povos das Missoes de Walter Vetillo; Eduardo Vetillo pela Cortez (2012)
>>> Iniciação ao Violão Volume II de Henrique Pinto pela Ricordi (2000)
>>> Grandes Compositores e Suas Histórias de Hannelore Bucher pela Bucher (2004)
>>> Exercícios de Teoria Elementar da Música de Osvaldo Lacerda pela Ricordi (2000)
>>> A Técnica Diária do Pianista de E. Pozzoli pela Ricordi (2000)
>>> Dicionário de Acordes para Piano e Teclados de Luciano Alves pela Irmãos Vitale (1996)
>>> Iniciação ao Violão de Henrique Pinto pela Ricordi (2008)
>>> Historias da Vo Cotinha - Vivencias e Virtudes de Lucia Nobrega pela Rideel (2010)
>>> Furaha - a História de um Bebê Condenado à Morte de Jacques Olivier; Eunice Scheffel do Prado pela Cpb Didaticos (2002)
>>> Currículos e Programas no Brasil de Antonio Flavio B. Moreira pela Papirus (1997)
>>> Enfoque Globalizador e Pensamento Complexo de Antoni Zabala pela Artmed (2002)
>>> Cultura Escrita e Educação de Emilia Ferreiro pela Artmed (2003)
>>> Como Identificar e Resolver Problemas Em Sua Equipe de Jane Allan pela Nobel (1992)
COMENTÁRIOS

Sábado, 22/3/2008
Comentários
Leitores


Deixemos o mundo ser o que for
É que a gente não consegue simplesmente não ter uma explicação. Seria muito mais interessante se admitíssemos que não temos capacidade de entender ou de explicar o porquê de estarmos aqui, e o porquê de tudo o que vemos estar aqui. As teorias serão sempre falhas, pois partem de conceitos criados por nós, ou seja, sempre seremos tendenciosos a enquadrar os resultados naquilo que conhecemos. Toda religião serve para tentar dar algum sentido à vida, e toda ciência também. Prefiro admirar tudo o que acontece nesse nosso insignificante planeta, que de insignificante não tem nada. Ótimo texto, Guga!!

[Sobre "Dançando com Shiva"]

por Tiago Sgarbi
22/3/2008 às
17h33 201.62.137.81
(+) Tiago Sgarbi no Digestivo...
 
Um livrinho muito mal-escrito
Independente de onde se adora as divindades, a questão que fica é: por que adorá-las? O que se subleva de uma adoração ou crença em qualquer coisa advém não de uma espontaneidade ou de um gesto pessoal, mas daquilo que resulta do meio cultural em que se nasce. Por que adorá-las? No seio da sociedade em que crescemos primeiro somos levados a adorar um Deus monoteísta que se subdivide em 3, mas cuja subordinação está amarrada a um Ser (mais) Superior que essa própria trindade. Na escola, o contato com a Ciência, a Geografia, a História e a Matemática (essa nos deixa doido tentando entender com nossa cabecinha a tal trindade que é um só ser subdividido), nos mostra que a bíblia é um livrinho complicado e muito mal escrito. Quando pensamos que já podemos escolher para que time torcer (Criacionistas X Evolucionistas) lá vem a sociedade (um feixe aberto onde entram os amigos - na maioria religiosos - os parentes) nos dizer que temos que ter uma religião. Guga, mais um belo texto.

[Sobre "Dançando com Shiva"]

por Pepê Mattos
22/3/2008 às
15h42 200.252.140.120
(+) Pepê Mattos no Digestivo...
 
Religião Esporte Clube
Sou do tipo que vê em artigos que descambam para a religião algo extremamente divertido. Não, não tenho a resposta pra tudo. Portanto, não me endeusem! Sou mais do time dos descridos, parentes próximos dos descrentes, que se desencantaram com alguma religião. Já Deus, com letra maiúscula e com minúscula, tudo é a mesma coisa. Ou coisa nenhuma. Me irrita alguém me dizendo: "respeita Deus!" Putz! Nem respeito, nem desrespeito. O ponho no mesmo lugar das coisas que falo todos os dias. A referência à confusão que nos acomete quando saímos da leitura da bíblia ilustrada para as disciplinas escolares é real. Depois querem que saiamos incólumes disso. Felizes os que saem. Seus cérebros devem estar programados pra trabalhar com baixa rotação, tipo aquela que acomete nossas apresentadoras de programas de família. Gian, religião é torcida de futebol pra lá de fanática. Com direito a animosidades, xingamentos e fraturas expostas...

[Sobre "Pagã or not pagã, that's the qüestã"]

por Pepê Mattos
22/3/2008 às
15h18 200.252.140.120
(+) Pepê Mattos no Digestivo...
 
Hoje e sempre, a Rádio Rock?
Bem pessoal, isso tem um nome: desrespeito; para com o público rock. Lembro de ouvir a seguinte frase na 89: "Hoje e sempre, a Rádio Rock". Falta de ouvintes? Não lembro da Kiss FM ter tido milhões de ouvintes e está até hoje tocando Rock. Acho que a coisa acaba quando acaba-se o amor pelo que se toca e começa a ambição pelo dinheiro. Estou muito decepcionado com a 89fm, espero que um dia haja consideração pelos ouvintes nas emissoras de rádio fm. Abraços Ricardo Gomes

[Sobre "89 FM, o fim da rádio rock"]

por Ricardo Gomes
22/3/2008 às
13h50 201.21.49.186
(+) Ricardo Gomes no Digestivo...
 
De letras se vive e se perdura
Rodrigo, você acertou em cheio quando dá valor aos eventos literários. O autor tem que ir, o artista tem que estar onde o povo está. Quanto a se vale a pena todo este trabalho que o autor brasileiro tem que ter - para muitas vezes nem ser lido, para muitas vezes nem ter dinheiro para voltar de alguma feira em outro estado a qual ele tenha ido -, lhe digo, viver vale a pena e se nossa vida, a dos escritores, só vale a pena se transpirarmos literatura, tudo faz muito sentido. Nosso salário? Nossa recompensa? Penso que virá de nossa história, que um dia será contada e servirá de inspiração a muitos, a todos aqueles que acreditam ser a felicidade resultado de ter a coragem de viver um sonho. Um abração, Eliana.

[Sobre "Rodrigo Capella em turnê"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
22/3/2008 às
13h42 201.95.166.203
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Adaptando-se ao inadaptável
Valeu a lembrança de que não é a igreja que tem que se adaptar ao postulante a freqüentador e receptor de ungüentos espirituais conforme a sua colaboração dizimal. Isso é obrigação de quem se presta a isso. Até porque a Igreja, qualquer uma delas, é uma instituição como outra qualquer. Não difere nadica de nada. Crer ou não em Deus, já é um pressuposto pra levá-lo em conta. De chofre posso dizer que não creio nalgo voltado pra isso. E descreio muito mais ainda em qualquer igreja. Mas a função social dela, é... Bem, qual é mesmo? Bom, deve de ser aglomerar o maior número possível de possíveis ocupantes de tarefas vãs, como bebericadores contumazes, viciados em qualquer atividade ilícita e candidatos a terem seu tempo, estômago e mente ocupados pelo... ia dizer Diabo, mas aí já é assumir um dos lados da questão... Ocupados pelo ócio improdutivo (desculpa aí, De Masi)... No mais, um texto pra apimentar o assunto...

[Sobre "Razoavelmente desinteressante"]

por Pepê Mattos
21/3/2008 às
23h26 200.252.140.120
(+) Pepê Mattos no Digestivo...
 
Pseudo-mago, pseudo-escritor
Que texto excelente! Não sabia tanto a respeito desse pseudo-mago, pseudo-escritor. Esse artigo só veio confirmar ainda mais a alma cafajeste desse indíviduo, dividida entre os prazeres da carne e do vil metal e a sua ligação com seu mentor bruxístico Crowley. Pobre Raulzito, que foi seduzido pela besta. Que sua alma descanse em paz. PS: Só li um livro de PC e foi o suficiente pra saber que não valia a pena. Quer sub-literatura? Leia-o.

[Sobre "Para entender Paulo Coelho"]

por Adriana Godoy
21/3/2008 às
17h26 201.8.25.144
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
Sábias palavras
Sábias as suas palavras. Se todas as escutassem, evitaríamos muita coisa ruim por aí. Abraço.

[Sobre "Sóbrio, discreto e cauto"]

por Adriana Godoy
21/3/2008 às
17h07 201.8.25.144
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
Fé e razão são dicotômicas
Sim, um texto bem fundamentado ao que se propõe. Porém, não alterou nem um pouco a minha visão a respeito. Talvez, tenha um pouco de inveja dos que crêem. Deve ser mais fácil. Mas a fé e razão são dicotômicas, do meu ponto de vista, e portanto, imcompatíveis. Infelizmente.

[Sobre "Sobre o Caminho e o Fim"]

por Adriana Godoy
21/3/2008 às
17h02 201.8.25.144
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
Parece uma boa pedida
Interessante. Não conheço o cara, nem o livro, mas pode ser uma boa pedida. Costumo confiar em suas indicações. Abraço.

[Sobre "As horas podres, de Jerônimo Teixeira"]

por Adriana Godoy
21/3/2008 às
16h53 201.8.25.144
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Uma Visão das Academias: Origens e Desenvolvimento
Jarbas Maranhão
Letracapital
(2004)



Tempos Que Outros Tempos Não Apagam.
Cecília Silva
Taba Cultural
(2001)



Relacionamentos Entre Pais e Filhos
Celso Martins
Dpl
(2003)



Career Paths Information Technology
Virginia Evans
Express Publishing
(2013)



Historia de La Sociedad de La Informacion
Armand Mattelart
Paidos Argentina
(2002)



Direito Processual Civil
Eduardo Arruda Alvim
Revista dos Tribunais
(2010)



La Dimension Juridica de La Integracion (américa Latina)
Instituto para Integración de America Latina
Bid; Intal
(1973)



Collecting Your Fee: Getting Paid From Intake to Invoice
Edward Poll
American Bar Association
(2002)



A Aposta de Luiz Ignácio Maranhão Filho
Maria Conceição Pinto de Góes
Ufrj - Revan
(1999)



Los Montevideanos y las Políticas de La Solidaridad
Intendencia Municipal de Montevideo
Imm





busca | avançada
81347 visitas/dia
2,7 milhões/mês