Exatamente | Alexandre

busca | avançada
86662 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> TODAS AS CRIANÇAS NA RODA: CONVERSAS SOBRE O BRINCAR
>>> Receitas com carne suína para o Dia dos Pais
>>> Selo Anonimato Records chega ao mercado fonográfico em agosto
>>> Última semana! Peça “O Cão de Kafka” fica em cartaz até 1º de agosto
>>> Projetonave e Caco Pontes lançam temporada de espetáculos online
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Deep Purple em Nova York (1973)
>>> Blue Origin's First Human Flight
>>> As últimas do impeachment
>>> Uma Prévia de Get Back
>>> A São Paulo do 'Não Pode'
>>> Humberto Werneck por Pedro Herz
>>> Raquel Cozer por Pedro Herz
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
Últimos Posts
>>> Renda Extra - Invenção de Vigaristas ou Resultado
>>> Triste, cruel e real
>>> Urgências
>>> Ao meu neto 1 ano: Samuel "Seu Nome é Deus"
>>> Rogai por nós
>>> Na cacimba do riacho
>>> Quando vem a chuva
>>> O tempo e o vento
>>> “Conselheiro do Sertão” no fim de semana
>>> 1000 Vezes MasterChef e Nenhuma Mestres do Sabor
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 25 de Julho #digestivo10anos
>>> Hugo Cabret exuma Georges Méliès
>>> Jornais do futuro?
>>> Anonimato: da literatura à internet
>>> Inesquecíveis aventuras
>>> 20 de Maio #digestivo10anos
>>> A bem-sucedida invenção do gaúcho
>>> Chá das Cinco com o Vampiro, de Miguel Sanches Neto
>>> Reflexões sobre um século esquecido (1901-2000), por Tony Judt
>>> Desvirtualização no Itaú Cultural
Mais Recentes
>>> Papagaio Illeglio de Klili pela Dvir (2006)
>>> Da Crise do Antigo Regime à Revolução Liberal, 1799 - 1820: uma cronologia de Fernando de Castro Brandão pela Europress (2005)
>>> Jack Croak e os hipopótamos ferviam em suas piscinas de William S. Burroughs pela Achuzat Bayit (2011)
>>> Cachaça: Ciência, Tecnologia E Arte de Blucher pela Blucher (2021)
>>> Anúncios de serviços de prostituição em cafetões de Israel Neich pela The EU (2006)
>>> Spot´s First Walk de Eric Hill pela G. P. Putnam's Sons (1981)
>>> Oxford's famous faces de John Dougill pela Oxford (1987)
>>> Essential BULATS: Business Language Testing Service de David Clark pela Cambridge University Press (2006)
>>> Rosies Walk de Pat Hutchins pela Simon (2021)
>>> Falar Arábico - Novo metodo de aprendizagem de Yonahan Elihi pela Minroa Consulting and Trainin group (2004)
>>> Lugar seguro? A lei de Israel é segura? - Problemas no tratamento dado pelo Estado de Israel aos refugiados e requerentes de asilo de Vários Autores pela Tel Aviv university (2003)
>>> O beijo da morta de Celestina Arruda Lanza pela Feb (1933)
>>> Méthode Berlitz - Pour l'enseignement des langues modernes de M.D. Berlitz pela Berlitz (1916)
>>> Almas mortas de Nikolai E. Google pela A nova biblioteca (2013)
>>> Mendemondák a vilagtortenet furcsasagai (facsimile) (Mendemonds são as esquisitices da história mundial) de Bela Toth pela Konyvkucko (1896)
>>> Coisas Pra Fazer Antes de Crescer de James Misse pela Pé da Letra (2019)
>>> A cantina de Dona Calabresa de Liana Leão pela Cortez (2018)
>>> O Porco de Bia Hetzel pela Manati (2000)
>>> O Imperador 2 - a Morte dos Reis de Conn Iggulden pela Record (2004)
>>> De Letra Em Riste: Identidade, Autonomia e Outras Questões de Pires Laranjeira pela Afrontamento (1992)
>>> Nova Gramática do Português Contemporâneo 4ª Edição Revista de Celso Cunha; Lindley Cintra pela Lexicon (2007)
>>> Erotismo e Literatura - Série Princípios 2ª Edição de Jesus Antônio Durigan pela Ática (1986)
>>> Ensino da Gramática Opressão? Liberdade? Série Princípios 7ª Edição de Evanildo Bechara pela Ática (1993)
>>> Dicionário Ediouro Espanhol Português Espanhol de Éverton Florenzano pela Ouro
>>> Eurico, o Presbítero - Clássicos de Ouro de Alexandre Herculano - Apresentação Antônio Soares pela Ouro (1969)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 18/11/2002
Comentários
Leitores


Exatamente
Exato! E sabe o que é ainda pior? Quando colocam "cabeça" no diminutivo: "ela tem uma cabecinha tão boa...", etc. Não é? Obrigado pela visita, Marcia. Pensava que essas coisas só doíam em mim. E você também, Denise! Voltem sempre.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre
18/11/2002 às
23h12 200.207.125.11
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Vulgaridade estimulante
Caro Alexandre, não contive minha alegria ao ver a seqüência da primeira lista, que já havia sido um "estabelecimento" em termos de vulgaridade. Excelente. Só gostaria de acrescentar algo que me dá calafrios que é o fato de tratarem a cabeça como uma entidade à parte para elogiar alguém, como "fulano tem a cabeça boa", "fulano tem a cabeça excelente", ou melhor ainda... "ele tem uma puta cabeça"... o que é isso? Vida longa à sua lista!

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Marcia Espinosa
18/11/2002 às
22h29 200.158.58.182
(+) Marcia Espinosa no Digestivo...
 
furibundo desbunde
Alexandre, já percebeu como o Hélion quer sempre ter a última palavra? Qual é a desse cara? Deve ser uma característica típica de quem venera Castro, Che Guevara, Hugo Chávez... essa ânsia por calar a boca dos oponentes, e sempre poder encerrar a discussão. O mais engraçado é que ele diz nos odiar, e desprezar o que escrevemos, mas não sai de nossas colunas! Que fizemos para merecer tanta fidelidade dessa figura?
Agora duro mesmo é saber que um cara desse é pago com o nosso dinheiro.. pagamos um sujeito desses para desinformar dezenas de alunos por ano, enchendo-lhes de sub-propaganda marxista e ensinando-lhes a usar palavras como "furibundo" (deve ter acabado de aprendê-la no dicionário, eis o porquê da insistência). Com certeza meu dinheiro poderia ser melhor aproveitado se eu o jogasse no lixo. Mas fazer o quê, universidade pública no Brasil é refúgio de gente assim. Emprego mole, mole, pra gente que às 3 da tarde já tá tomando chopinho na beira da praia.
Quanto ao inglês de lanchonete... que diabos isso quer dizer? A expressão é muito, muito fraquinha. E, sinceramente, associar lanchonete com inglês é coisa do século passado, digna da cartilha do Mao Tsé-Tung. Será que você é um daqueles nacionalistas fervorosos que apedreja McDonald's, e quer traduzir o nome dos sanduíches? Ou preferia que as citações fossem en español, la lengua del comandante? Russo ou chinês, quem sabe? Talvez coreano? No dialeto da Coréia do Norte, bem entendido...

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Rafael Azevedo
18/11/2002 às
19h50 137.205.8.2
(+) Rafael Azevedo no Digestivo...
 
Fui redundante...
Ops. Fui redundante em meu comentário acima. Assino embaixo de tudo que o sr. Sidney Vida (#26) escreveu.

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Pablo Cabistani
18/11/2002 às
19h01 200.176.35.29
(+) Pablo Cabistani no Digestivo...
 
Colisões gramaticais
Menina Olga, "batida dolorosa" parece uma ótima expressão para descrever seu encontro com a língua portuguesa (se é que você realmente trombou com ela algum dia). Certamente, foi uma colisão traumática. Só isso pode explicar o fato de você não acertar uma só concordância ("bando de burguêses metido" etc.) e desconhecer regras básicas de pontuação e acentuação. Volte a gritar nas ruas, com a boca cheia do seu "popular" sanduíche de mortadela, porque ler e escrever é tarefa muito além da sua capacidade intelectual. Abraços da Isabel.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Isabel
18/11/2002 às
19h26 200.221.28.204
(+) Isabel no Digestivo...
 
Levar a sério..
Ai, que gente sem-graça. Um texto tão sincero que provoca reações tão bobinhas. Do "eu não sou direita" até o "ser esquerda é bom e inteligente" fechando no "Stálin era stalinista e não comunista" não faltou nenhum lugar-comum político nas mensagens postadas. Pois segue o meu comentário. Ótimo texto. Acho o falecido Paulo Francis genial, Olavo também e eu gosto de vários blogs citados. PS.: Deus é bem legal. Fez o mundo e depois mandou seu filho pra avisar-nos que tem uma eternidade nos esperando. Quem se leva a sério demais neste mundo esqueceu do outro.

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Pablo Cabistani
18/11/2002 às
18h27 200.176.35.29
(+) Pablo Cabistani no Digestivo...
 
sensacional, rachei o bico
Boa, sensacional, rachei o bico com o fla-flu fascistinhas frouxolinos X sanguinários comunistas sem deus. Eu, como alguém aí, também votava no PT e lia o Francis! Não sabia o quando me auto-enganava! Obrigado e continuem sempre assim rapazes!

[Sobre "Filhos de Francis"]

por André Forastieri
18/11/2002 às
18h17 200.171.2.164
(+) André Forastieri no Digestivo...
 
Obrigado, voltem sempre...
Muito obrigado a todos, independentemente de me detestarem ou me amarem ou de assumirem uma atitude de fanática e apaixonada indiferença a mim. Tenho a vaga impressão de que o problema de quem está certo, a esquerda ou a direita ou nenhuma das duas, não será resolvido exatamente no fórum do Digestivo. Ms quem sabe? Continuem tentando. A mim só me dá prazer – mas me parece que desvia a atenção do que mais importa, que é avisar a todos (e em especial à Ana) que o meu livro “A Coisa Não-Deus” pode ser comprado aqui, na Saraiva virtual (onde também existe a informação, muito útil aos planejadores do Plano contra a Fome, de que o meu livro não é comestível – confiram, por favor). Com tantos amigos novos que fiz com este texto, estou confiante que a edição vai esgotar! Corram! Corram! Você também, Helion! Abraços a todos, e voltem sempre. (Menos o Irã. Tolerância social tem limites, por Júpiter!)

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
18/11/2002 às
17h31 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Shame on you
Antonio, pode bem ser que eu tenha neste texto escrito asneiras demais. Mas por que diabos então você não me disse, nos textos anteriores, que eu tinha escrito besteiras de menos? Ah, tenho que concordar com a Juliana e dizer que não gosto muito do seu hábito de mandar emails xingando pessoas que você nem conhece, e sem colocar o seu nome, ainda por cima. Acho que nem você deve gostar disso. Para quê então continuar com um hábito que deve enchê-lo de vergonha cada vez que se olha no espelho? Ânimo, Antonio, e não faça isso. Agora, coragem, e leia a próxima mensagem, que é a mais importante de todas.

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
18/11/2002 às
17h30 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Torso de Apolo
(continuação)...o que me chamou a atenção, mesmo, é a afirmação do Marcelo de que, aos “10 e poucos anos, estava participando ativamente da redemocratização deste país, quando tinha 20 e poucos anos construía em bairros e comunidades o Partido dos Trabalhadores, além de ajudar na retomada de sindicatos dos pelegos impostos pela ditadura. Mais no fim dos meus 20 e poucos anos, estava construindo um dos principais partidos de extrema-esquerda do mundo, o PSTU”...Que vida horrível! Que juventude desgraçada! Marcelo, ainda há tempo! Ainda há tempo! Alugue “Ninotchka”!

Confesso que não entendi sua repetida acusação de que eu sou um dândi. Essa calúnia de que me visto muito bem é uma lamentável queda de nível da sua parte. Preferia quando você estava justificando os crimes da esquerda. E também não entendi muito bem sua referência ao pai de Nabokov - a menos que você esteja insinuando veladamente que eu o matei. Marcelo, Marcelo, se esse for o caso, eu pagarei na mesma moeda e o acusarei veladamente de ter matado Maiakóvski. E, por favor, não peça desculpas por ser chato. Never apologize! Never explain! Abraços, Alexandre. (esperem, continua)

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
18/11/2002 às
17h29 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Paixão Erótica de Robert e Arabella
Kathleen Winsor
Record
(1986)



45 do primeiro tempo
Patrick Santos
Literare Books International
(2019)



Em Busca da Eficácia Em Treinamento
Jorge de Paiva Campos e Sebastião Guimarães
Abtd
(2009)



Teatro Dividido - a Cena Americana no Pós-guerra
Martin Gottfried
Bloch
(1967)



Cirque Du Soleil - a Reinvenção do Espetáculo
John Bacon; Lyn Heward
Elsevier
(2006)



Eu Fico Loko - As desaventuras de um adolescente nada convencional
Christian Figueiredo de Caldas
Novas Páginas
(2015)



Tentando Entender Monterroso
Luiz Arraes
7 Letras
(2005)



Pessoal e Intransferível
Sylvia Leal Regina Protasio
Record
(2004)



Resumo de Direito Eleitoral
Marcos Ramayana
Impetus
(2009)



Gabi e o Tesouro do Oriente
Tiago de Melo Andrade
Melhoramentos
(2009)





busca | avançada
86662 visitas/dia
2,4 milhões/mês